Um deputado que precisa ser banido

O deputado estadual Jessé Lopes (PSL) deveria ser banido da política. Ele envergonha a maioria dos catarinenses e no começo desta semana aprontou mais uma. Fiz questão de não dar vazão a mais um esgoto despejado por ele nas redes sociais, mas agora trato da repercussão que veio de várias partes.

A Assembleia Legislativa, em nota oficial assinada pelo presidente Julio Garcia. Ele lembra que o papel do Parlamento é o debate de ideias, para contribuir com o desenvolvimento da sociedade e melhorar a qualidade de vida de todos.

“A Presidência da Assembleia Legislativa não compartilha com iniciativas que, de alguma fora, venham ferir a honra de qualquer pessoa, bem como não compactua com pré-julgamentos de qualquer espécie.” Importante, além da mensagem do deputado Júlio Garcia (PSD), é que a Casa abra um processo para analisar quebra de decoro, que não é a primeira.

O PSL partido onde Jessé Lopes ainda está filiado, apesar de estar em conflito, também se manifestou.

“Um parlamentar precisa respeitar o decoro que o cargo exige e não usar seu espaço de homem público para macular o caráter de outro e pior, de maneira covarde atingir seus familiares e aqueles que o estimam.”

Jessé Lopes, que esteve em Brasília neste fim de semana participando das manifestações pró-Bolsonaro, postou nas suas redes sociais ilações de envolvimento pessoal do governador Carlos Moisés com uma servidora.

Não era uma crítica a compra que estão sendo feitas pelo Estado e nem as medidas que vem sendo tomadas para combater ao Coronavírus. Era mais uma baixaria deste deputado, que usa suas redes sociais para baixarias.

Mas não é só nas redes sociais. Também usa seu espaço no Parlamento para agredir a inteligência e o bom senso das pessoas, como na vez que falou que mulheres que usam roupas curtas estimulam o assédio.

Depois que cometeu a irresponsabilidade e a leviandade contra o governador, viu a repercussão negativa e tirou as publicações das suas redes sociais, mas elas permanecem na Internet.

Carlos Moisés gravou um vídeo onde garante que buscará na Justiça reparação.

Este deputado merece ser banido da política.

E o pior que tem gente que gosta dele. E o pior ainda é gente de bem compartilhando as porcarias dele para atingir o governador.

 

 

 

2 Comentário

  1. É o resultado da tal da “nova política” das “pessoas de bem”!!

  2. O comportamento e as atitudes do deputado não me surpreende. Isso faz parte do bolsonarismo. Serve para fortalecer sua base que gosta desse tipo de intriga e não para chocar a oposição. O presidente faz a mesma coisa.
    Provavelmente se reelege com apoio dos armamentistas, negacionistas, cristãos neopentecostais
    e outros “cidadãos de bem”.

Deixe uma resposta