Curtas da política: a movimentação de Hildebrandt, as conversas de Kuhlmann e a calmaria tucana

ib entrelinhas topo

Gás 

A desistência de Paulinho Bornhausen de disputar à prefeitura de Itajaí pode ser favorável as pretensões do presidente da Câmara Municipal, Mário Hildebrandt.  Sem o principal líder na disputa eleitoral, o PSB estadual (leia-se Bornhausen) irá concentrar forças em outras cidades.

Prefeito ou vice ?

Hildebrandt costura por fora e ganha fôlego, faltando pouco mais de dois meses para as convenções que carimbam os nomes. É candidato a prefeito e conversa com todos, apesar de sinalizar uma certa distância do prefeito Napoleão Bernardes (PSDB).  Pode ser vice também. Uma parceria com o PSD de Jean Kuhlmann já é comentada a boca pequena.

Almoço

E por falar em Kuhlmann, almoçou nesta segunda-feira com o apresentador Alexandre José (PRB), também pré-candidato, além de Walter Salvador e João Beltrame, presidentes do PRB e PSC.  Imagino o cardápio.

Padrinho 

Todas as conversas envolvendo as pessoas acima tem a benção do ex-prefeito João Paulo Kleinübing (PSD).

Assistindo

De uma pessoa deste grupo, mas próxima a gestão tucana: ” nunca vi, este povo não  chama para conversar! “, referindo-se aos articuladores da pré-candidatura de Napoleão Bernardes.

1 Comentário

Deixe uma resposta