TV Informe: conheça a proposta de Marcelo Lanzarin para nova Câmara de Vereadores de Blumenau no Centro Histórico

Imagem: reprodução

Do ponto de vista oficial, a proposta é da Mesa Diretora, com o apoio de todos os 15 vereadores. Mas na realidade é uma ação do presidente da Câmara Marcelo Lanzarin (MDB). A começar pela decisão dele de manter no Centro Histórico a estrutura do Poder Legislativo e mais. Fazer com que ele, Poder Legislativo, seja uma espécie de mola indutora de uma profunda revitalização da região.

A proposta é que a nova sede fique localizada no terreno onde atualmente funciona o estacionamento dos servidores da Casa, na Rua das Palmeiras, ao lado do Museu da Família Colonial, como o Informe Blumenau já adiantou.

A sede da Câmara será chamada de “Edifício Parque Câmara de Vereadores” e será totalmente integrada a um parque com 1200 metros de passeio. De acordo com o projeto, o parque iniciaria na região do antigo Centro de Saúde, na Rua Itajaí, passando pelo porto, seguindo por baixo da ponte da Rua XV e continuando paralelamente à Rua das Palmeiras, por cima do Ribeirão Garcia.

A previsão de conclusão do parque é até o final de 2020, e será construído com o repasse de R$ 2 milhões do fundo da Câmara para o Executivo. Já o prédio do Legislativo terá previsão de conclusão de ao menos seis anos, com investimento inicial de R$ 2 milhões provenientes do fundo, e com previsão de investimento total em torno de R$ 10 a 12 milhões, já com todas as instalações e equipamentos.

“Entendo que precisamos dar o primeiro passo, sempre com planejamento. É uma obra para ser construída em etapas com o dinheiro do fundo que a Câmara possui e com as economias que fará ao longo dos anos, sem mexer nos recursos que são devolvidos à Prefeitura. Somos um dos poderes constituídos dessa nação e um dos pilares da democracia. Precisamos de um espaço no qual as pessoas identifiquem quem nós somos. A Câmara nunca teve a sua sede própria e exclusiva desde a fundação da cidade, e a ideia agora é que esse local seja eterno, criando no Centro Histórico mais um ponto de referência para Blumenau”, assinalou o presidente Marcelo Lanzarin.

A iniciativa é ousada. Ousada de mais talvez. Seria bacana se funcionasse…

Confira.

1 Comentário

  1. Em primeiro lugar , porque os funcionários da Câmara possuem o privilégio de ter estacionamento particular e o munícipe que paga as contas precisa pagar estacionamento quando vai a Câmara?

    Fazer obras faraônicas com dinheiro público é fácil e não venham dizer que a sede da câmara é a casa do povo , porque não é e nunca será .

    Porque fazer a sede no centro da cidade , onde o custo por metro quadrado é muito maior ?

    Poderia o presidente esclarecer o espaço no terraço ? O que será instalado naquele local ?

    Porque não instalam a Câmara no prédio da antiga Prefeitura e levem a secretária de cultura
    para o espaço que a Câmara ocupava na Prefeitura ?

    Porque fazer um prédio de somente 5 andares , quando poderiam aproveitar melhor o terreno e alojar outras secretárias que estão em espaços de terceiros pagando aluguel ? Entrada separadas , não haveria problema algum .

Deixe uma resposta