Trabalhadores do Transporte coletivo de Blumenau definem nesta quarta pauta da campanha salarial

Duas assembleias nesta quarta-feira, 28, começam a definir a pauta de reivindicações da categoria da iniciativa privada mais aguerrida do Vale do Itajaí, os trabalhadores do transporte coletivo de Blumenau, cerca de 1300 pessoas.

Como a data base é 1º de novembro, o objetivo é começar a negociação – sempre complicada – cedo.

Como é a assembleia inicial, a pauta não está definida, mas apurei que desta feita os trabalhadores vão cobrar o reajuste real e não somente a reposição da inflação pelo INPC.

Nos últimos anos, o Sindetranscol colocou na negociação pautas de garantias de direitos que poderiam ser ameaçados pela Reforma Trabalhista.

As assembleias desta quarta acontecem às 9h e 15h, na sede do sindicato, no começo do Garcia.

1 Comentário

  1. Só falta o sindicato querer ir em desencontro as reformas trabalhistas , não seria surpresas , pois os sindicatos sempre são do contra quando o governo não é de esquerda .

Deixe uma resposta