Presidente do STF homologa delações da Odebrecht

Foto: Agência Brasil EBC

Cármen Lúcia fez o que se esperava dela. Parcialmente. Ela homologou as delações que estavam em andamento pela equipe do relator da Operação Lava Jato, Teori Zavascki, falecido no último dia 19. Ou seja, as 77 delações de diretores e do proprietário da Odebrecht valem com provas nos processos.

Escrevi que a presidente do Supremo fez o que se esperava dela parcialmente. Isso pelo fato dela não ter levantado o sigilo destes depoimentos. O ministro que morreu sinalizava que daria transparência ao conteúdo da delação.

Agora resta a definição do novo relator da Lava Jato por parte de Cármen Lúcia.

Foto: Agência Brasil EBC

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta