Prefeito Mário em Brasília na busca da rapa do tacho

Foto: divulgação

Se não me engano, já usei esta expressão ano passado, rapa do tacho, que significa tentar pegar o que sobrou. Como o ano está acabando – e em Brasília parece que ele termina mais cedo -, o prefeito Mário Hildebrandt (sem partido) está na capital federal para tentar obter emendas parlamentares, destravar convênios e uma missão mais complicada. Ele foi acompanhado pelo secretário de Gestão Governamental, Paulo Costa.

Esta missão mais complicada é na Secretaria Nacional de Aviação Civil. Como é de conhecimento, havia uma emenda do ex-deputado João  Paulo Kleinübing (DEM) para o balizamento do aeroporto Quero Quero. Mas, o Governo do Estado encampou esta obra e agora o prefeito tenta reverter estes recursos para o recapeamento da pista. A tarefa é complicada pois, além do recurso da emenda de JPK ter se perdido em algum labirinto da ineficiência estatal, muito dificilmente será destinado para outro serviço que não o previsto originalmente.

Mário Hildebrandt também tem reunião na Casa Civil, com o responsável pelo Orçamento da União. Tentará “descontingenciar” os recursos já conveniados para três obras no Garcia, entre elas a ponte que já foi batizada como do Mirello.

E por fim, Hildebrandt percorrerá alguns gabinetes de parlamentares que normalmente ajuda Blumenau, a começar pelo deputado federal Rogério Peninha Mendonça (MDB).

1 Comentário

  1. Como prefeito , esta fazendo a parte que lhe cabe , infelizmente não temos representante na Câmara Federal , talvez por erro dos eleitores ou por falta de candidatos capacitados .
    Temos que eleger bons vereadores , pois serão estes que serão os futuros deputados estaduais e federais , mas infelizmente não escolhemos certos os vereadores , e a prova esta na ultima eleição , diversos vereadores candidatos e nenhum se elegeu . Ou porque o povo não soube escolher ou porque os vereadores nada fizeram para merecer os votos , e penso , só penso , que foi porque não mereceram , pois não queremos deputados para ficar entregando moções de louvor , que é o que mais fazem no legislativo blumenauense .

Deixe uma resposta