Maior empresa do ramo da América Latina fará a gestão da Oktoberfest

Foto: Divulgação/Parque Vila Germânica

A definição sobre a gestão financeira saiu nesta terça-feira, 14, depois de algumas idas e vindas. Venceu o Consórcio chamado Oktoberfest Blumenau, que tem como empresa líder a Imply, do Rio Grande do Sul, com expertise do Natal Luz de Gramado e do controle da Arena do Grêmio, do estádio do Beira Rio, do Inter, e do Maracanã, entre outros, considerada a maior empresa do ramo na América Latina.

Do outro lado estava o consórcio é o IMM/ Intellitix, cuja a empresa líder tem no portfólio o Rock in  Rio (tem 20% de participação acionária), SP Fashion Week, Circo de Solei no Brasil, considerado o maior consórcio do mundo.

O vencedor apresentou como proposta zero de comissionamento em cima do preço dos ingressos, enquanto o segundo 6%. “Ficamos muito felizes, foram dois grandes grupos que participaram e agora tocaremos a nossa maior festa com eles nos próximos cinco anos”, afirma o diretor administrativo-financeiro do Parque Vila Germânica, Guilherme Guenther.

Em 2017 a venda de ingressos totalizou cerca de R$ 7 milhões.

O consórcio Oktoberfest Blumenau também fará a gestão da Sommerfest. O grupo tinha sido desclassificado na primeira licitação, por problemas na documentação do seguro. Como o outro também apresentou problema, a comissão de licitação abriu tempo para que as empresas tentassem se adequar, o que acabou acontecendo.

A venda antecipada dos ingressos para a Oktobesfest começou a ser feita recentemente pela Blueticket, que fará a transição para a nova  gestora nos próximos dias.

1 Comentário

  1. Parabéns ao presidente da Vila Germânica , até agora o unico secretario que conseguiu fazer uma licitação que não virou contrato emergencial ….mas ainda tem o Froshin no seu calcanhar , mas
    deve resolver .

Deixe uma resposta