Prefeitura de Blumenau revoga pregão para o CIAD

Foto: Marcelo Martins/PMB

A revogação é provisória, segundo o secretário de Administração, Anderson Rosa, e o novo pregão deverá ser lançado em no máximo um mês. O valor máximo é de R$ 1,8 milhão por ano.

O Centro Integrado de Administração e Distribuição foi criado em 2014, para organizar e otimizar vários processos da administração direta da Prefeitura, em especial nas áreas de educação e saúde. Veja a proposta neste link.

A empresa Sincroslog venceu a licitação para implantar e gerenciar o sistema. O contrato era de um ano, com a possibilidade de renovação anual de até 60 meses. O valor mensal é de pouco mais de R$ 1,1 milhão por ano.

Em novembro de 2018, a Prefeitura assinou mais um aditivo, que tem validade até novembro deste ano.

A revogação aconteceu nesta quinta-feira, 24, e segundo o secretário de Administração o motivo foi a necessidade de adequações no programa Remédio em Casa, solicitada pela Secretaria de Saúde.

Em 2018, o Ministério Público abriu inquérito para investigar a licitação original do CIAD e o Jornal de Santa Catarina fez uma reportagem, relembre aqui.

 

 

 

1 Comentário

  1. Licitação em Blumenau é sempre a mesma coisa , será que o Ministério Público não percebe nada .

Deixe uma resposta