O secretário de Saúde João Paulo Kleinübing cumpre agenda de pré-candidato

O suspense sobre uma eventual candidatura de João Paulo Kleinübing (PSD) a prefeito de Blumenau é grande e aumenta a cada passo que ele tem dado nos últimos dias. Semana passada entregou o helicóptero Arcanjo com pompa, depois anunciou que reassumirá sua cadeira na Câmara dos Deputados para votar pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT).

E na próxima segunda-feira fará a liberação de cerca de R$ 9 milhões para hospitais e outros equipamentos de saúde de Blumenau. Os recursos são do Fundo Catarinense para o Desenvolvimento da Saúde.

O hospital Santa Isabel receberá R$ 2,1 milhões para compra de equipamentos, o Santo Antônio R$ 2 milhões para obras de ampliação do setor de internação e  ortopedia e o Misericórdia, na Vila Itoupava, R$ 3,7 milhões para a construção de uma nova ala de internação.

A associação Renal Vida receberá R$ 462 mil. João Paulo Kleinübing assinará também um termo de compromisso com a  Prefeitura, para a entrega de três ambulâncias, já compradas, que chegam em 120 dias no máximo.

A “solenidade” de liberação destes valores acontecerá na sede da ADR de Blumenau, a partir das 14h30 de segunda-feira.

O deputado federal licenciado e atual secretário de Saúde é o único em condições de unificar o PSD em Blumenau e trazer outros partidos para o arco de alianças.

Foto: divulgação PSD
Foto: divulgação PSD

João Paulo Kleinübing sonha em ser governador de Santa Catarina e trabalha seu nome para estar na disputa interna do PSD. Tem sofrido grande pressão de correligionários para ser candidato a prefeito de Blumenau, contra Napoleão Bernardes (PSDB).

Pessoas próximas dizem que ele deve se posicionar sobre Blumenau nos próximos dias.

 

 

2 Comentário

  1. A Odebrecht deixou claro ontem que onde atua paga propina aos governantes.
    Será que em Blumenau foi diferente?????
    Será que os protestantes da nossa cidade acreditam que em Blumenau não houve pagamento de propina pela Odebrecht?
    Será que votariam de novo em JPK?
    Ou será que só enxergam propina no PT?

  2. Pode vir! Isso é bom demais.Será a hora da verdade sobre todos os recursos do Tapetão negro. Unificar!! A turma do Jean não vai gostar,acho que ele Jean como candidato não queimaria tanto o PSD.

Deixe uma resposta