Ministro do STF, Marco Aurélio Mello, encaminha pedido de afastamento de Bolsonaro

Foto: Sérgio Lima

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Marco Aurélio Mello, encaminhou nesta segunda-feira, 30, um pedido de afastamento de Jair Bolsonaro à Procuradoria-Geral da República (PGR).

Marco Aurélio é o relator da notícia-crime protocolada na semana passada pelo deputado federal Reginaldo Lopes (PT-MG), que acusa Bolsonaro dos crimes de omissão e difusão do coronavírus.

O documento lista uma série de episódios em que o presidente minimizou o surto da Covid-19 – detalhando uma série de adjetivações usadas – e aponta que ele “incentivou ostensivamente o descumprimento das medidas de isolamento recomendadas pela Organização Mundial da Saúde e pelo próprio poder executivo”.

Caso a PGR aceite a notícia-crime, a Câmara será consultada para autorizar ou não o seguimento da Ação Penal e, em caso positivo, Bolsonaro será afastado por 180 dias. Em caso de crime transitado em julgado, o presidente perde o mandato.

Também nesta segunda-feira, 30, partidos de oposição protocolaram outra queixa-crime contra Bolsonaro pelo “passeio” que o presidente deu no Distrito Federal, no último domingo, 29. Na ação, são apontados diversos crimes que Bolsonaro pode ter cometido ao sair às ruas mesmo estando sob suspeita de ter contraído coronavírus.

As informações são da Revista Fórum

2 Comentário

  1. Passou da hora da responsabilização criminal dele, chega de tanta irresponsabilidade que está colocando milhoes de pessoas em risco de morte.

  2. É realmente uma vergonha… pagamos as autoridades (STF congresso) para prestar um desserviço á população!
    Quando uma porcaria de TV divulgou em janeiro através de um médico que era apenas uma gripezinha ninguém contestou… Quando era para OMS decretar pandemia em Janeiro de 2020 o mesmo relatou que não havia necessidade…
    Agora os brasileiros incautos e soberbos querem responsabilizar quem está trabalhando para colocar o Brasil nos trilhos, tirar do “eixo do mal”.
    Ao congresso STF e a outros que continuam a querer desestabilizar esta grande nação, como disse a o Rei da Espanha a tempo atrás:
    “POR QUE NÃO TE CALAS”

Deixe uma resposta