Programa Indaial Juro Zero agora é realidade e irá beneficiar mais de 6 mil empreendedores

Foto: divulgação PMI

Na manhã desta terça-feira, dia 31 de março, o prefeito André Moser sancionou o Projeto de Lei “Programa Indaial Juro Zero”, que foi aprovado em sessão extraordinária desta segunda-feira, 30, na Câmara de Vereadores. Criado pelo Executivo, o Programa tem o objetivo de beneficiar mais de 6 mil empreendedores e vai possibilitar o acesso ao crédito com condições adequadas.

“Desde o início das ações de prevenção contra o Coronavírus um dos grandes receios era a parte econômica da nossa cidade. Buscamos incansavelmente proteger a comunidade, seguindo orientações do Governo do Estado. Diante deste cenário de instabilidade, criamos o Programa Indaial Juro Zero, no qual o município irá pagar os juros”, disse André Moser.

Todos os participantes terão informações dos agentes de desenvolvimento que estão ao lado de empreendedores sobre como crescer e manter seus estabelecimentos abertos neste momento crítico da economia nacional.

O empréstimo Indaial Juro Zero será oferecido pelas instituições de microcrédito habilitadas pelo Município, devendo os empreendedores formalizados procurar uma dessas instituições para fazer o pedido do microcrédito; se o pedido for aprovado, os participantes deverão pagar as parcelas em dia, arcando a Prefeitura com a última parcela.

Serão até R$5 mil para o Microempreendedor Individual (MEI) e até R$10 mil para as Microempresas.

“Agradeço aos vereadores pela aprovação e acredito que este projeto irá auxiliar nossos empreendedores neste difícil momento de retomada da economia. Além disso, peço à comunidade que colabore, continuando a valorizar o comércio e os estabelecimentos da nossa cidade. Juntos somos mais fortes”, disse André.

A Prefeitura está organizando o processo e neste momento dará início ao cadastramento das instituições financeiras. “Como os serviços seguem as orientações do Decreto do Governado Estadual, o processo ocorrerá em etapas. Por isso solicitamos a colaboração da comunidade. Em breve vamos repassar mais informações sobre o cadastramento dos empreendedores interessados em aderir”, explicou o secretário de Administração e Finanças, Silvio César da Silva.

Fonte: Comunicação PMI

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta