Partidos de esquerda se reúnem na capital para discutir processo eleitoral

Foto: divulgação

Representantes do PT, PDT, PSOL e PcdoB realizaram nesta quinta-feira, 16, a terceira reunião da Frente Popular de Santa Catarina. O encontro foi realizado na capital.

A Frente tem por objetivo construir o projeto para as eleições de 2020 e 2022. No encontro, foi feita uma avaliação da conjuntura e as próximas ações da Frente.

Estiveram presentes o presidente do PT-SC, Décio Lima, secretário-geral Nacional do PDT, Manoel Dias, o vereador do PSOL, Afrânio Boppré, o representante do PCdoB, João Ghizoni, entre outros.

Se o grupo fez uma análise de conjuntura lúcida, deve ter percebido a dificuldade que um partido de esquerda terá para convencer o eleitor catarinense, seja na eleição municipal ou na estadual daqui a dois anos.

3 Comentário

  1. A ESQUERDALHADA brasileira é motivo de vergonha para o resto da “ESQUERDA MUNDIAL”

  2. Poderiam ir tentar cargos eletivos na Venezuela , pois sempre falaram que naquele país predomina a democracia , blá,blá, blá.

    No Brasil , vão receber votos somente dos analfabetos políticos ou dos partidários cegos.

  3. Pobre de direita só na terra de Pindorama mesmo. É tem coragem de falar em analfabetos políticos kkkk

Deixe uma resposta