Palocci relata repasses ilegais para filho de Lula e Gleisi Hoffmann

Foto: EBC

O ex-ministro Antonio Palocci confirma em documentos obtidos pela Revista Veja o repasse de recursos pela empresa Qualicorp ao Partido dos Trabalhadores e a Touchdown, de Luis Cláudio Lula da Silva, filho mais novo do ex-presidente Lula.

Palocci indica ainda que a atual presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, recebeu a quantia de R$ 3,8 milhões na campanha de 2010. O valor teria sido repassado por três empreiteiras.

Os pagamentos teriam sido feitos em troca de “benefícios concedidos pelo governo” à empresa na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Com informações: VEJA e UOL

1 Comentário

  1. Vamos ver agora se a Gleisi Hoffmann continua com sua soberba . Esta no cargo certo , presidente do PT , o último já esta na cadeia . Será que vai haver algum petista dizendo que é golpe , que Palocci esta mentindo ? Mas lembrem-se , antes de começar a falar ou a escrever , quem era Palocci na quadrilha , sabe muito mais que qualquer partidário cego .

Deixe uma resposta