O protagonismo estadual da secretária Patricia Lueders

Foto: Undime

Guardadas as proporções, a trajetória de Patricia Lueders me lembra a do ex-reitor da FURB Eduardo Deschamps. Quando viram, viraram gestores públicos na área de educação e acabaram ocupando espaços importantes de representação no segmento.

Deschamps chegou a presidir o Conselho Nacional de Educação e Patrícia ocupa atualmente a presidência  da União dos Dirigentes Municipais de Educação de Santa Catarina, a UNDIME.

E nesta condição, teve papel de protagonismo na entrega da versão final do Currículo da Educação Infantil e do Ensino Fundamental do Território Catarinense, para a o Conselho Estadual de Educação pelo o Governo do Estado, nesta terça-feira, 28.

Patrícia Lueders disse que este é um momento histórico em Santa Catarina. “O documento é a consolidação de um trabalho coletivo, realizado a muitas mãos. Tivemos esse cuidado de dar espaço a todos os profissionais, desde o chão da escola até o Comitê Executivo, pra que a construção tivesse um olhar diferenciado, pois temos ciência de que o currículo base impactará na vida de milhares de estudantes e, consequentemente, dos envolvidos com a educação dessas crianças e jovens”, explica a presidente.

O documento é resultado do regime de colaboração entre a União dos Dirigentes Municipais de Santa Catarina (UNDIME-SC), Secretaria de Estado de Educação (SED), União Nacional de Conselhos Municipais de Educação (UNCME), Conselho Estadual de Educação (CEE) e Federação Catarinense de Municípios (FECAM).

 

1 Comentário

  1. A secretária só não responde as reclamações efetuadas na ouvidoria da Prefeitura em relação ao CEI Luiz Vargas no Garcia . CEI este que esta deixado os vizinhos loucos .Teremos de impetrar uma ação coletiva contra a secretaria e Prefeitura .

Deixe uma resposta