Mário Hildebrandt e uma volta no tempo

Foto: redes sociais

Não sei o contexto, mas acompanhei pelas redes sociais e me chamou a atenção positivamente. O prefeito Mário Hildebrandt (sem partido) saiu nesta sexta com as equipes de abordagens da Secretaria de Desenvolvimento Social pela região central de Blumenau.

Lembrou seu tempo de Cerene, que trabalha na recuperação de dependentes químicos, de Serviço Social e de secretário municipal.

Numa das abordagens, numa marquise da avenida Beira Rio, conversou com um jovem, natural de Itajaí, que relatou estar há dois meses nas ruas, por causa da dependência química.

Falou que tem um filho pequeno e já teria trabalhado para a prefeitura de Itajaí. Na conversa, o prefeito conversou para que ele aceitasse ajuda. No início não queria, mas aceitou o tratamento.

“O ser humano precisa ter dignidade, aqui não é dignidade”, afirmou Mário Hildebrandt num determinado momento da conversa.

O jovem foi para o Abrigo Municipal e aí então, se realmente aceitar o tratamento, é encaminhado para uma das entidades conveniadas com a Prefeitura.

Tudo foi devidamente registrado e editado. Pode ter gente que vai dizer que é jogada de marketing.

Certamente pode funcionar como mídia positiva, como é o caso deste post.

Mas é a cara da formação do Mário Hildebrandt, hoje prefeito de Blumenau.

Achei bacana a atitude.

2 Comentário

  1. Tem uma famosa frase que eu acho que serve como uma luva:”Quando fôr fazer caridade,filantropia ou assistência social,deixe a câmera em casa.Caso contrário é marqueting. Nota-se pelo enquadramento que foi tudo produzido. Quem garante que o homeless não foi colocado naquele lugar para ser filmado? Afinal é ano eleitoral…

  2. É piada. Ou é desespero para ganhar a eleição. Que vergonha.

Deixe uma resposta