A despedida de Napoleão Bernardes da Prefeitura de Blumenau

Foto: Facebook Napoleão Bernardes

O discurso de Mário Hildebrandt (PSB) foi carregado de emoção, mas obviamente fica ofuscado quando se tem Napoleão Bernardes (PSDB) na mesma cerimônia.

O novo prefeito lembrou sua história humilde, seu trabalho social, com muitos agradecimentos a quem o ajudou nesta trajetória.  Destacou que prosseguirá as ações que estão em curso, colocando seu perfil nelas. Garantiu apoio incondicional ao projeto eleitoral de Napoleão Bernardes, “vou trabalhar por ele nas horas vagas, que serão poucas…”

E Napoleão…

Ele é um fenômeno de comunicação, de simpatia e empatia. Sei que muitos vão xingar o Informe, mas é isso, um cara muito acima da média quando se expressa. Pela clareza de exposição das ideias, pela defesa da política em sua essência e pela emoção. Conta com bons orientadores, isso é importante também.

No começo de sua longa falta, teve o infeliz episódio com um ex-filiado tucano, que você pode conferir aqui.

Napoleão superou o bafão. E foi. Os agradecimentos tomaram boa parte do tempo e muitos carregados de emoção muito pessoal dele.

Falou de sua vocação para a política e do que considera um “chamamento” para as eleições deste ano.

Destacou suas ações de governo e aí entrou a grande sacada do ato de despedida nesta quinta-feira, no Teatro Carlos Gomes. Trouxe pessoas para seu lado no palco, que representavam os diversos programas sociais da Prefeitura.

“Estou aqui para devolver à Blumenau e o Vale do Itajaí o protagonismo”, encerra.

Foi um final para cima, confira:

Aqui você pode acompanhar o dia histórico para a política de Blumenau.

 

1 Comentário

  1. Só gostaríamos de saber quem pagou pelo aluguel do espaço no Teatro ?

Deixe uma resposta