Câmara Municipal faz uma pequena retratação para a Escola Elza Pacheco.

O vereador Lenilso Silva (PT) apresentou na sessão desta quinta-feira, 23, uma moção de aplauso para a Escola Elza Pacheco, por conta do projeto pedagógico sobre o Festival de Cinema, que tanta polemica deu por conta da Moção de Repúdio aprovada pela própria Câmara.

Por seis votos a cinco, e uma abstenção, a Câmara fez uma pequena retratação para o grande estrago que fez. Mesmo assim alguns não deram o braço a torcer, como Oldemar Becker (DEM), Marcelo Lanzarin (PMDB), Sylvio Zimmermann e Jens Mantau (PSDB) e Ricardo Alba (PP).

Marcos da Rosa, que propôs a moção de repúdio, não votou, pois ele só vota em caso de empate.

Já Alexandre Matias (PSDB) e Alexandre Caminha (PROS), que votaram pela moção de repúdio, votaram agora pela moção de aplauso. “Talvez tenhamos confundido diversidade de gênero por ideologia de gênero”, justifica Caminha.

Além dos dois Alexandres, votaram a favor da moção de aplauso o proponente Lenilso, Professor Gilson (PSD), Bruno Cunha (PSB) e Ailton de Souza (PR). O vereador Jovino Cardoso Neto (PSD) se absteve.

Ao defender a moção, Lenilso disse na tribuna: “é uma forma de retratação da câmara, quero pedir que os vereadores tenham um gesto de sensibilidade e grandeza”. Ainda disse que foi uma estupidez a decisão anterior do Legislativo.

Marcos da Rosa retrucou: “Não considero uma estupidez, o senhor tem que respeitar mais o parlamento. Isso é democracia. Eu exerci meu direito como parlamentar.”

O Ito, que teve uma postura muito lúcida neste episódio todo, falou. ” A Câmara interviu onde não devia, nos colocaram como vergonha nacional. É hora de vocês tentar corrigir o erro. Antes de fazer o julgamento, vocês tem que conhecer melhor as propostas”.

Estavam ausentes da votação os vereadores Zeca Bombeiro (SD) e Almir Vieira (PP).

 

 

A Assembleia Legislativa de Santa Catarina também aprovou a moção de aplauso, leia aqui.

2 Comentário

  1. Moção estúpida e vergonhosa! indo totalmente contra as evidências científicas/médicas empíricas e epistêmicas da infame e execrável ideologia de gênero.
    É bom saber Jovino… também vou me abster de votar em vc!

  2. Esta é a câmara de vereadores de Blumenau , votam no que não leem ou entendem , depois buscam desculpas . Quem votou a favor da mocão de repúdio não deveria voltar, mas deveria saber no que estava votando . Vivemos em uma democracia , temos nossas opiniões , quem não gostou da moção tem que saber respeitar , pois caso contrário, podemos dizer que estamos
    sofrendo preconceito .

Deixe uma resposta