SC é o estado com mais motoristas dirigindo embriagados, diz PRF

Foto: PRF

A Policia Rodoviária Federal traz esta informação para valorizar seu trabalho de fiscalização, ao afirmar que os flagrantes são fruto das estratégias em terras catarinenses. Parabéns aos patrulheiros, mas mostra o comportamento dos motoristas por estas bandas.

Segundo a PRF, ” Santa Catarina é o estado com o maior número de flagrantes de motoristas embriagados nas rodovias federais do Brasil”.

Somente na  operação Festas de Outubro, que começou dia 9 e termina dia 27, a PRF já flagrou nos primeiros oito dias 578 motoristas embriagados nas rodovias federais de Santa Catarina. Foi criado um cinturão de segurança na região de Blumenau, não esquecendo da BR 101. Houve fiscalização em Gaspar, Indaial e Rio do Sul, na BR 470 e em Barra Velha, Joinville, Florianópolis e Tubarão, na BR 101.

No sábado passado, os policiais rodoviários federais prenderam um homem dirigindo sob efeito de álcool pela segunda vez em menos de 30 dias. Com 52 anos, conduzia um Honda/City com câmbio automático. O teste com etilômetro resultou 0,77 mg/l, mais que o dobro do mínimo para configurar o crime de trânsito. Os policiais descobriram que ele já havia sido multado por embriaguez ao volante pela PRF dia 16 do mês passado, na BR 376, em Tijucas do Sul/PR.

O detalhe: segundo a família dele, ele perdeu a perna esquerda em um acidente no qual dirigia uma motocicleta em estado de embriaguez.

Foto: PRF

Neste final de semana a PRF vai fazer novamente a fiscalização no chamado cinturão da Oktoberfest.

Todos os dias do final de semana, além dos policiais que trabalham diariamente nas unidades operacionais, a PRF terá em torno de 60 PRFs a mais, destinados exclusivamente para a fiscalização de motoristas embriagados.

2 Comentário

  1. Reflexo das festas locais que são verdadeiros incentivos ao alcoolismo e todas as outras desgraças que o acompanham!

  2. Vejamos !!!
    Educação não é priorizada no país.
    Modelo turistico baseado nas festas da cevada e malte.
    Agora, deste nimero quantos são efetivamente do estado ???

Deixe uma resposta