Pré-candidatos ao Governo participam de debate em Blumenau

Será a primeira grande oportunidade de conhecer um pouco o que pensam aqueles que querem governar em Santa Catarina, apesar de nem todas as candidaturas estão confirmadas, o que acontecerá a partir de meados de julho, quando começam a ser realizadas as convenções partidárias.

A iniciativa do ciclo de debates é da Somar, Sociedade Maçônica Regional, que já realizou encontros como este em Joinville, Balneário Camboriu e na próxima segunda-feira, dia 25, realiza em Blumenau, no espaço da Rivage, a partir das 19 horas.

O evento é aberto a comunidade e gratuito, basta inscrever-se aqui 

Foram convidados representantes dos partidos que compõem a bancada catarinense na Câmara Federal: DEM, MDB, PP, PPS, PR, PSD, PSDB e PT.

Confirmaram presença Esperidião Amim (PP), Gelson Merisio (PSD), João Paulo Kleinübing (DEM), Jorginho Mello (PR), Paulo Bauer (PSDB) e Mauro Mariani (MDB).

Da minha lista de prováveis candidatos, falta Décio Lima (PT) e dobre Jorginho Mello, que estará aqui apenas para  ocupar espaço.

O objetivo do evento é debater com lideranças regionais sobre os temas que integram o conjunto da realidade política socioeconômica regional, estadual e nacional:

  1. Infraestrutura: energia elétrica, transportes, comunicação, habitação;
  2. Realidade social e de segurança;
  3. Educação e cultura;
  4. Saúde, esporte e lazer;
  5. Econômico, indústria, comércio, serviços, turismo e agronegócio;
  6. Meio Ambiente;
  7. Gestão Pública.

As seguintes entidades apoiam o evento:

– ACIB – Associação Empresarial de Blumenau

– AMPE – Associação de Micro e Pequenas Empresas

– ACIG – Associação Empresarial de Gaspar

– ACIP- Associação Empresarial de Pomerode

– ASSEAPO – Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Pomerode

– AVIP – Associação Visite Pomerode

– ACID – Associação Empresarial de Indaial

– ACIMVI – Associação Empresarial do Médio Vale do Itajaí

– CDL – Câmara de Dirigentes Lojistas (Blumenau, Gaspar, Pomerode, Indaial e Timbó)

– FMSP – Fórum Municipal de Segurança Pública

– OAB – Ordem dos Advogados do Brasil (Blumenau, Gaspar, Pomerode, Indaial e Timbó)

– OSBLU – Observatório Social de Blumenau

– OSP – Observatório Social de Pomerode

– SEPROSC – Sindicato das Empresas de Processamentos de Dados, Software e Serviços Técnicos de Informática do Estado de Santa Catarina

– SIMMMEB – Sindicato Patronal das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico

– SINTEX – Sindicato das Indústrias de Fiação, Tecelagem e Vestuário de Blumenau

3 Comentário

  1. Tô fora!

    Não tenho tempo a perder com políticos usados, quanto mais com “pré-candidatos”!

    Para que servem os “pré-candidatos”?

    A solução para este Brasil é depurar-se a classe política como um todo.

    Somente votarei em político tinindo de novo!

    A lição para os “políticos usados” será exemplar, ao mesmo tempo em que se constituirá em solene aviso aos “entrantes”.

    Simples, assim!

    7 de outubro se apresenta alvissareiro! É só aproveitar!

  2. Alcino Carrancho, Aquele Que Nestas Eleições de 2018 Somente Votará Em Político ZERO QUILÔMETRO! disse:

    Não deverias ter dado essa notícia, prezado Alexandre Gonçalves!

    Explico: não se trata de censura! É que eu, de tão entusiasmado que fiquei, tive um extraordinário ataque de ansiedade e, devido a esse estado emocional, não consegui pregar olho nesta noite. Quanto maldade tua, Alexandre!

    Não vejo a hora de chegarem as 19:00 horas desta próxima segunda-feira, 25!

    Aliás, a Somar, Sociedade Maçônica Regional, terá cometido um erro técnico ao escolher a Rivage para fazer esse debate. Melhor teria sido escolher o campo do SESI… vocês vão ver as filas que irão se formar…

    A propósito, vai ter feriado municipal em Blumenau ou algum tipo de ponto facultativo?

    Ouvir o que os nossos abnegados Pré-candidatos nos terão a dizer vai ser o maior evento a que a loira Blumenau terá assistido.

    Alcino Carrancho
    (El Defenestrador Muy Implacable)

  3. Não estamos em campanha ainda , os listados para o debate não deveriam estar nas suas cidades trabalhando até o horário de expediente ?
    O custo de locomoção, hotel e alimentação serão dos pré candidatos ou utilizarão recursos públicos ?

    Só por estes motivos já não merecem presença da sociedade . Quem diz ser sério deve agir como tal , seriedade com demagogia é outra coisa .

Deixe uma resposta