PL reforça o convite ao prefeito Mário Hildebrandt

Foto: divulgação redes sociais

Nesta segunda-feira, 20, o deputado estadual Ivan Naatz, principal articulador do PL em Blumenau depois que saiu do PV, esteve com o prefeito Mário Hildebrandt, reforçando o convite para que ele se engaje no projeto do senador Jorginho Mello e dispute a reeleição pela sigla que se estrutura em SC de olho no pleito de 2022.

Segundo Naatz, esta foi a terceira conversa neste sentido, conversas estas que já incluíram o senador. O PL quer contar com Hildebrandt, mas tem prazo, dia 5 de fevereiro. “Precisamos construir logo”, disse o deputado estadual, cujo ato de filiação acontecerá no dia 8 de fevereiro, referindo-se a construção de uma nominata de vereadores consistente e definição de política de alianças.

Apesar de ter até março para definir, o prefeito deve bater o martelo logo, até porque muita gente depende dele para definir o destino político.

Como ele tenta se viabilizar sem entrar numa sigla das consideradas “tradicionais”, as opções ficam restritas.

O PL oferece de vantagem para o projeto de reeleição –  numa comparação com o Podemos, outro partido que quer contar com Hildebrandt – uma maior estrutura, mais tempo de televisão e um projeto de médio prazo, além de ter nas suas fileiras um senador e nos próximos dias um deputado estadual da cidade.

E pode ser também uma sigla “provisória”, uma passagem até a oficialização da Aliança pelo Brasil, novo partido criado pelo presidente Jair Bolsonaro que não deve estar apto a participar do processo eleitoral neste ano.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta