Napoleão Bernardes de bem com vida

Falar que o ex-prefeito de Blumenau, Napoleão Bernardes, (PSD), está de bem com a vida parece ser um assunto pessoal, sem relevância jornalística, mas não é, pela figura pública que ele representa.

Há um ano, ele vivia seu inferno astral. Prefeito reeleito com folga, abandonou o cargo para virar candidato a vice-governador de uma chapa que ficou de fora do segundo turno das eleições em SC.

Teve que reavaliar suas posições, mastigar o ocorrido, digerir o que é preciso e jogar fora o que não deu para engolir.

Pai recente, dedicou seu tempo a curtir a família e as atividades profissionais, em especial na área acadêmica, como professor da FURB e o estudo no Doutorado em Ciência Jurídica, na Univali.

Nesta área, comemora a seleção de dois artigos para serem apresentados no Congresso Nacional do Conpedi – Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Direito, que ocorre em novembro, em Belém (PA), com o tema Direito, Desenvolvimento e Políticas Públicas.

Um dos artigos é sobre a transparência como instrumento de combate à corrupção e de promoção do desenvolvimento sustentável e o outro, a respeito de parâmetros para criação e utilização de softwares de inteligência artificial em decisões do sistema de justiça criminal.

Os artigos foram escritos em conjunto com a professora Pollyanna Maria da Silva, professora titular da Univali e da Unifebe.

Além disso, Napoleão deve participar de um evento em Washington, como convidado, para mostrar o case de transparência implantado no começo de sua primeira gestão em Blumenau.

Na política, Napoleão Bernardes parece a vontade no PSD e aqui vai uma observação. No encontro regional do PSD em Blumenau, ocorrido recentemente, ele parecia desconfortável. Uma pessoa me fez uma reflexão. “Mas não é isso que acontece no resto do estado.”

E é verdade, basta acompanhar as redes sociais do partido e das principais lideranças estaduais, Napoleão é destaque.

Foto: Facebook Julio Garcia

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta