João Paulo Kleinübing no Informe Blumenau Entrevista

Ao chegar para a entrevista na última sexta-feira, 11, uma hora antes da assinatura da compra do helicóptero Arcanjo 3,  João Paulo Kleinübing (PSD) perguntou há quanto tempo eu o conhecia. Respondi há uns 10joão paulo kleinübing anos: “Não vou responder nada que você quer saber”, brincou.  Fiz a mesma pergunta para ele, sobre há quanto tempo me conhecia: “uns dez”, respondeu. “Vou perguntar igual”, falei, também brincando.

Fiz este nariz de cera para dizer que o principal protagonista do processo eleitoral saiu pela tangente na maioria das respostas, como é seu estilo. Mas admitiu na entrevista e depois dela que dificilmente o PSD não terá candidato à Prefeitura de Blumenau em 2016.

Estas e outras respostas, mesmo despistando, fazem parte do Informe Blumenau Entrevista. Confira:

2 Comentário

  1. a) Ponte da rua Rodolfo Freygang com rua Chile era a terceira opção técnica entre as seis existentes. Basta ler as atas. Ademais, onde é que ela foi amplamente discutida com a comunidade? Quais as audiências publicas realizadas? Aquela lá na AABB? Faz-me rir. A melhor escolha técnica, essa que o Napoleão defende e que foi eleito com isso sendo um forte argumento, essa sim, amplamente discutida com a comunidade e aprovada por ela.

    b) Óbvio que se elegeu deputado federal para que o processo do Tapete Negro fosse enviado ao STF e lá irá permanecer morto, frio e enterrado.

  2. A condição de foro privilegiado dos políticos nos assusta, basta vermos a operação Tapete Negro, Lava Jato , etc..etc..mas depende como olhamos um copo com agua pela metade , pode estar meio cheio ou meio vazio , depende do que queremos ver .

Deixe uma resposta