Instagram libera recurso para usuários combaterem bullying

Imagem: divulgação

O Instagram começou a liberar para todos os usuários, um recurso que silencia interações de contas indesejadas. Com o recurso, é possível ocultar os comentários de uma pessoa sem precisar bloqueá-la.

O “Restringir”, como é chamado, está sendo desenvolvido ao menos desde julho. Segundo o Instagram, o objetivo é combater o bullying, especialmente entre usuários mais jovens. Isso porque a plataforma identificou que muitos se recusam a denunciar ou bloquear colegas que praticam bullying.

Segundo o chefe do Instagram, Adam Mosseri muitos acham que isso piora o problema. “Começamos a perguntar: ‘Por que vocês não estão usando as ferramentas disponíveis hoje?’”, disse, em entrevista à NBC. “‘Por que não bloquear alguém que está intimidando você?’ E ouvimos de maneira muito consistente, particularmente de adolescentes, que isso muitas vezes pode escalar a situação”.

Com a solução apresentada pela rede social, os donos de contas restritas ainda poderão interagir em suas fotos. Os comentários, no entanto, ficarão disponíveis somente para eles e só se tornarão públicos caso você os aprove.

As contas restritas não saberão se você está online e não serão exibidas em notificações. As mensagens que elas enviarem não aparecerão na tela principal do Direct – e sim, na área de solicitação de mensagem. E, mesmo que você abra uma das mensagens, a outra pessoa não receberá a confirmação de leitura.

Para restringir uma conta no Instagram, bastará arrastar um comentário indesejado para a esquerda. O recurso também estará disponível na página de cada perfil e na área de privacidade das configurações da rede social, que permitirá remover a restrição a qualquer momento.

Com informações: Instagram, CNET, Engadget e Tecnoblog

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta