Ex-deputado João Pizzolatti está no centro das novas denúncias da Procuradoria contra políticos do PP

Foto: arquivo

O inquérito contra o político catarinense, que tinha base eleitoral no Vale do Itajaí,  é o estopim das recentes denúncias feitas pela Procuradoria Geral da República ao Supremo Tribunal Federal (STF),  contra oito políticos do PP. As acusações dizem respeito a Operação Lava Jato e estão em segredo de Justiça, portanto não há muita informação sobre elas.pizzolatti

O Partido Progressista, que ensaia uma hora abandonar o governo e outra abocanhar os cargos deixados pelo PMDB, se consolida como o líder entre as siglas com mais políticos denunciados no escândalo de corrupção na Petrobrás. Com os novos nomes, são 27 denunciados. 11 estão no Congresso Nacional.

Fora Pizolatti, hj se recuperando de um acidente pessoal em Roraima, onde ocupa o cargo de secretário de Estado, não há políticos catarinenses na lista que está no STF.

1 Comentário

Deixe uma resposta