Ato em Blumenau pede vacina para todos e protesta contra a política do presidente Bolsonaro no combate a pandemia

Foto: Facebook Sintraseb

Nesta quarta-feira a noite, 7, Dia Mundial da Saúde, um grupo de pessoas ligadas a movimentos popular e sindical realizaram ato simbólico em defesa da vida e da vacina para todos(as), pelo auxílio emergencial de R$ 600 até o fim da pandemia e pedindo a saída do presidente Bolsonaro (sem partido).

O ato alusivo ao Dia Mundial da Saúde aconteceu na praça da Prefeitura. 425 velas e dezenas de cruzes com fitas pretas simbolizaram as  mortes registradas na cidade.

Foto: Facebook Sintraseb
Foto: Facebook Sintraseb

2 Comentário

  1. “um grupo de pessoas ligadas a movimentos popular e sindical”

    Ligados a sindicatos , é o que sabem fazer , reclamar, pedir, exigir , mas só quando a direita esta no poder .
    O que os sindicatos fizeram para seus associados neste tempo de Pandemia ?

    Tem sindicato com milhões de reais aplicados em bancos, porque não ajudam seus associados, já que o recurso aplicado é dinheiro dos associados .Podem ser chamados de sindicalizados , não muda nada , como também não muda a forma que os sindicatos atuam …querem ajuda emergencial , mas não abrem mão do preciosos recurso aplicado .

  2. Considerando que a torcida do ” preventivo ” não vai pedir vacina, não quer coletivamente unir forças Sr. Serpa por que querer subjugar ,?

Deixe uma resposta