Arnaldo Zimmermann pode ir para Brasília

FOTO: Twitter/pessoal

A mudança no primeiro escalão do governo Raimundo Colombo (PSD) tem um impacto direto em uma importante liderança de Blumenau, Arnaldo Zimmermann (PCdoB). Ele é hoje secretário adjunto da Secretaria de Assistência Social, Habitação e Trabalho, o segundo depois de Ângela Albino (PCdoB), que deixa a pasta para assumir uma cadeira na Câmara dos Deputados, no lugar de César Souza “pai”, chamado para ocupar uma vaga na administração estadual.

Conversei com Arnaldo, que se reuniu com o governador Raimundo Colombo (PSD) na tarde desta quarta-feira, 14 e a cúpula do PCdoB em Santa Catarina. Lembrando que o Partido Comunista do Brasil faz parte da base de apoio de Colombo e deve permanecer, assim é a vontade de todos. Não houve definição sobre o que será feito, mas é certo que o partido deve manter quadros na secretaria de Assistência Social, que será conduzida por Geraldo Althoff.  O futuro de Arnaldo está indefinido, mas tem tudo para ajudar o mandato da agora deputada federal Ângela Albino.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta