Acib recebe novo secretário de desenvolvimento econômico de Blumenau em reunião online

Foto: divulgação ACIB

A reunião online de Diretoria da última segunda-feira da ACIB  teve como convidado o novo secretário de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Empreendedorismo de Blumenau, o ex-vereador Sylvio Zimmermann Neto (PSDB). Ele assumiu a Secretaria na quinta-feira, dia  de maio, depois de uma breve passagem pela recém  criada Secretaria de Parcerias e Concessões.

Há poucos dias na Secretaria de Desenvolvimento, o secretário comentou sobre suas expectativas na pasta. “Eu já tive a oportunidade de trabalhar na Secretaria de Desenvolvimento, de 2010 a 2013, quando criamos os primeiros passos do que viria a ser a atual Lei de Inovação.  Os desafios são enormes, mas as possibilidades de Blumenau também são imensas”, comentou.

Questionado sobre os projetos frente à Secretaria, Zimmermann informou que, por determinação do prefeito Mário Hildebrandt (Podemos), as prioridades são os projetos que envolvem a retomada econômica da cidade, como o programa Cidade Empreendedora em parceria com o SEBRAE, a continuidade do Programa Juro Zero, que em sua primeira edição beneficiou pouco mais de 300 negócios,  e também o fortalecimento do ecossistema de  inovação da cidade.  Hoje, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico coordena os programas de incentivo fiscal, incentiva o empreendedorismo e a inovação por meio do Instituto Gene e também financia parte do Entra21, programa da Blusoft, que capacita jovens para o mercado de trabalho.

Zimmermann destacou que a Secretaria logo terá novo endereço. “Já estamos com o contrato assinado para mudança da sede da secretaria. Vamos para o Centro de Inovação, atendendo a uma demanda do setor produtivo”. Também relatou que pretende atuar para facilitar os processos relacionados ao desenvolvimento econômico da cidade que envolvem trâmites com a Prefeitura de Blumenau.

Renato Medeiros, presidente eleito da Acib, informou que os processos que envolvem o andamento de projetos e autorizações empresariais são muito burocráticos, principalmente na área ambiental e segurança. Zimmermann salientou que trabalhará  para que o maior número de processos sejam oferecidos de forma on-line.

Questionado sobre sua expectativa para execução e viabilidade do Fundo Municipal de Inovação e fomento a projetos integrados entre empresas, academia, sociedade e poder público, previstos na lei de política de inovação municipal, Zimmermann informou que está analisando possibilidades para atender esta importante demanda do conselho de inovação.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta