Vagas para cursos rápidos do Senai de Blumenau e região

Foto: divulgação

Passa por uma sala de aula do Senai do Vale do Itajaí é ter no seu currículo uma credencial e tanto.  A unidade aqui da região está oferecendo vários cursos. Como eles começam em datas diferentes e os prazos de inscrição variam, é importante ir no site http://sc.senai.br/.

Segue o release enviado pela Presse Comunicação Empresarial:

Foto: divulgação
Foto: divulgação

SENAI Vale do Itajaí oferece vagas em mais de 170 cursos de curta duração
Vagas estão disponíveis nas unidades de Blumenau, Indaial, Timbó e Pomerode, nas áreas Têxtil, Automotiva, Mecânica, entre outras.

As unidades do SENAI, entidade do sistema FIESC, no Vale do Itajaí estão com vagas disponíveis para cursos de curta duração. Ao todo, são 175 cursos no Vale do Itajaí, sendo 79 em Blumenau, 40 em Indaial, 39 em Pomerode e 17 em Timbó. As inscrições devem ser feitas diretamente no SENAI destas cidades e é necessário levar CPF, RG e comprovante de residência. Alguns cursos possuem pré-requisito.

Os cursos de curta duração oferecidos pelo SENAI são destinados àqueles que buscam desenvolver competências de uma determinada profissão para iniciar uma carreira ou para quem procura uma nova oportunidade no mercado de trabalho. Além disso, eles são indicados para profissionais que querem complementar e atualizar seus conhecimentos. “

Temos no Vale do Itajaí 9.544 indústrias, um número excelente que mostra a cultura empreendedora presente em nossa região. Os cursos de curta duração são muito importantes para estes trabalhadores da indústria, que precisam estar sempre atualizados e buscando novas informações sobre sua área”, ressalta o diretor regional Senai Vale do Itajaí, Jacir Luiz Lenzi.

Estão com vagas em aberto cursos em diversas áreas, como a de Alimentos e Bebidas, Têxtil e Vestuário, Eletroeletrônica, Construção Civil, Automotiva, Meio Ambiente, Mecânica, Tecnologia da Informação, entre outras. Os cursos têm preços mais acessíveis para trabalhadores da indústria e costumam durar poucos meses.

Mais informações no site www.sc.senai.br

FONTE: Ana Bernardes / Presse Comunicação Empresarial

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta