Semana de consciência negra começa em Blumenau

No dia 20 de novembro de 1695 morria Zumbi, um escravo líder do Quilombo dos Palmares. Por conta da luta dele, a data ficou marcada como dia da Consciência Negra, uma reflexão sobre  a inserção do Negro na sociedade brasileira, em suas diferentes esferas,  repercussões e problemáticas.

Trezentos e poucos anos depois,  muito se avançou, mas há muito, muito mais para se fazer. A sociedade não é igual, muito menos a da germânica Blumenau.  Mas deveria, afinal a cor da pela não faz diferença alguma.

Para lembrar que ainda há distâncias a serem encurtadas e preconceitos a serem extintos de uma vez por toda, começa nesta quinta, 19, aqui na cidade, uma série de eventos. Confira qual a programação, onde acontecem e tudo mais no release enviado pela assessoria de imprensa da Fundação Cultural de Blumenau:

Consciencia negra Blumenau

BLUMENAU ABRE SEMANA DE CONSCIÊNCIA NEGRA

Começa oficialmente nesta quinta-feira, dia 19 de novembro, a programação do 13º Mês da Consciência Negra de Blumenau. Até o dia 29 o evento apresenta atos públicos, palestras, manifestações culturais afro-brasileiras, exposição e sessões de cinema. Toda a programação é gratuita e aberta à comunidade. A abertura oficial será na Fundação Cultural de Blumenau, às 19h30, com a exposição fotográfica Negra Blumenau, no Mausoléu Dr. Blumenau, e a exposição Religiões de Matrizes Africanas de Blumenau, no Espaço Alternativo. A entrada é franca.

O 13º Mês da Consciência Negra Blumenau é um projeto patrocinado pelo Prêmio Catarinense de Arte e Cultura Negra e Indígena e desenvolvido com o apoio do Estado de Santa Catarina, Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Funcultural e Edital Elisabete Anderle/2014, Fundação Catarinense de Cultura, Fundação Cultural de Blumenau, Seterb e Movimento de Consciência Negra de Blumenau Cisne Negro.

A programação movimenta a cidade desde 3 de novembro, com a abertura da Exposição Símbolos e Reflexões, na Câmara Municipal de Blumenau (Salão Manoel da Luz Rampelotti). A mostra permanece no local até o dia 30. No dia 7 de novembro, também dentro da programação, foi promovido Brasileirando Oficinas: Provocando a sua Consciência Negra, com Roosevelt Ofarindê, no Estúdio Blazé (Rua 2 de Setembro, 1.618. Sala 7).

O Dia da Consciência Negra, que dá origem à semana de celebração, é comemorado em 20 de novembro. A data foi escolhida em alusão ao dia do falecimento de Zumbi dos Palmares, em 1695, como momento para lembrar da resistência do povo negro.

Saiba mais

Programação do Mês da Consciência Negra de Blumenau

19 de Novembro: Abertura oficial do Mês da Consciência Negra de Blumenau 2015

Local: Fundação Cultural de Blumenau

Horário: 19h30

Abertura da Exposição Fotográfica Negra Blumenau

Local: Mausoléu Dr. Blumenau

Horário: 19h30

Abertura da Exposição Religiões de Matrizes Africanas de Blumenau

Local: Espaço Alternativo da Fundação Cultural de Blumenau

Horário: 19h30

20 de Novembro: Negritude nos Terminais – Maracatu

Local: Terminal do Aterro

Horário: 17h30

20 de Novembro: Roda de Conversa: Negras lembranças

Local: Auditório da biblioteca da Furb

Horário: 19h

21 de Novembro: Negritude nos Terminais – A ancestralidade da Capoeira

Local: Terminal da Fonte

Horário: 10h

25 de Novembro: Negritude nos Terminais – Hip-Hop Negro

Local: Terminal da Proeb

Horário: 17h30

Responsável: Janaina Palavra Feminina

28 de Novembro: Ato Público Contra o Racismo

Local: Praça do Teatro Carlos Gomes

Horário: 9h

29 de Novembro: 2º Roda de Conversa de Mulheres Negra: Nossa luta é todo dia, mulher negra não é mercadoria! Oficina de Turbantes

Local: Cafundó Bar Cultural

Horário: 18h

FONTE: Sérgio Antonello/ FCB – Secom

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta