Saúde na Mesa: a quarentena e os alimentos que ajudam a diminuir a ansiedade

Foto: ilustrativa/reprodução

Na coluna desta semana, não vamos bater nas teclas da alimentação saudável, emagrecimento, condicionamento e recuperação.

Estamos num momento crítico enquanto sociedade, e estamos todos em casa, ansiosos, bombardeados por notícias e esperando pra saber o que vai acontecer.

O foco deste momento é se manter saudável, manter as pessoas que amamos protegidas e passarmos de forma mais tranquila possível esses dias de confinamento.

Para proteção não esqueça de sempre lavar as mãos:

É importante deixar os ambientes da casa sempre arejados, limpos, sem vetores, mofos, deixar a luz do sol entrar todos os dias.

Hipoclorito pode ser usado para higienizar frutas e verduras e para limpeza de utensílios. Para a limpeza de vegetais, a concentração é de 4 mg/L; para limpeza de utensílios é de 8 mg/L e como produto de limpeza, conhecido como água sanitária, a concentração fica entre 25 e 50 g/L.

Ansiedade

Para ajudar na ansiedade, temos chás de camomila e erva- doce que podem ser consumidos quentes ou gelados.

O cacau que pode ser consumido de várias formas, possui triptofano, um aminoácido que ajuda na produção de serotonina.

Laranja, abacaxi e tangerina que possuem vitamina C e os flavonóides são antioxidantes que reduzem o estresse e a ansiedade.

Chia, castanhas, banana, alcachofra, espinafre, beterraba, iogurte natural e cereais integrais, como o arroz integral e aveia, possuem magnésio, que ajuda a relaxar, melhora a circulação e a qualidade do sono.

Não vamos esquecer do principal, fique em casa, evite contato físico com as pessoas e não faça aglomerações.

Quando tudo isso passar, voltaremos a falar dos quilinhos a perder e dos lanches saudáveis.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta