Rota Enxaimel de Pomerode vai representar o Brasil em programa de Turismo da ONU

Foto: divulgação

A Rota do Enxaimel de Pomerode, com 16 km de extensão e 50 casas históricas construídas com  o estilo arquitetônico dos imigrantes alemães, é um dos três roteiros do país indicado pelo Ministério do Turismo para representar o Brasil no programa Best Tourism Villages (Melhores Vilas Turísticas) da UNWTO (Organização Mundial do Turismo das Nações Unidas). As outras duas indicações foram o São Bartolomeu, no distrito de Ouro Preto, em Minas Gerais, e Alberto Moreira, no distrito de Barretos, em São Paulo.

Para as indicações foram considerados aspectos como patrimônio cultural e histórico, objetivos de desenvolvimento social (ODS) da ONU e atividades rurais e tradicionais na localidade. A escolha pelo destino que fará parte do Best Tourism Villages será divulgada no dia 24 de outubro, em Marrakesh, Marrocos, após a avaliação da UNWTO sobre os destinos inscritos.

Para reforçar e melhorar o potencial do roteiro, uma parceria entre a Associação Rota do Enxaimel, Viacredi e o Sebrae/SC quer reestruturar e potencializar a retomada do turismo no percurso nomeado como patrimônio paisagístico pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

Segundo Rogério Siewert, presidente da Associação Rota Enxaimel, entidade fundada há poucos meses, a cooperação já promoveu um aumento perceptível no fluxo turístico da região. “Gradualmente a cidade volta a receber visitantes e esse crescimento já pode ser notado pelas necessidades imediatas que precisaram ser atendidas, como a disponibilização de meios de pagamento eletrônicos nos estabelecimentos. O objetivo é que, com cautela e gestão responsável, possamos tornar a rota um destaque no cenário turístico”, diz.

O trabalho realizado pelas organizações conta com atividades voltadas ao desenvolvimento de materiais gráficos e eletrônicos, rebranding nos negócios que compõem a rota, capacitações voltadas à gestão, consultorias de produtos turísticos, fortalecimento do núcleo do artesanato local, entre outras ações que devem promover o desenvolvimento local. A distribuição de mapas impressos nos estabelecimentos que integram o roteiro, além de hotéis, pousadas, lojas, restaurantes e no portal turístico já é uma das iniciativas concretas da parceria. O mapa também pode ser conferido no formato digital no site www.rotadoenxaimel.com.br. “A ideia de todo esse trabalho é aumentar a eficiência dos comércios, impulsionar a competitividade e mostrar o valor de experiência que a Rota do Enxaimel pode entregar aos visitantes”, explica Aloísio Salomon, especialista do Sebrae/SC. E completa: “E o projeto vai além: é a possibilidade de melhorar a qualidade de vida dos moradores da região por meio do desenvolvimento econômico”.

Outra ação que será realizada nos dias 20 e 21 de setembro é a visita técnica do grupo que está desenvolvendo o projeto a Garibaldi e Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul, para conhecer de perto as estratégias de dois atrativos turísticos que seguem a mesma linha da Rota do Enxaimel: os roteiros Caminhos de Pedra e Estrada do Sabor. “Essas visitas técnicas são bastante importantes para entendermos como essas atrações funcionam e para termos insights de como tornar a rota local um atrativo completo para o turista 4.0”, comenta Luciana Thomé, consultora técnica do Sebrae/SC responsável pelo desenvolvimento do projeto.

Fonte: da redação, com informações da Trevo Comunicação

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta