Respiradores, autonomia e investimentos foram os temas da reunião entre o prefeito Mário Hildebrandt e o governador Carlos Moisés

Pela segunda vez em um ano e cinco meses, o prefeito Mário Hildebrandt (Pode) conseguiu uma audiência com o governador Carlos Moisés (PSL). A prioridade eram pontos ligados ao combate ao Coronavírus, mas investimentos estaduais também foram debatidos.

O prefeito comemora a sinalização de que, no mínimo 15 respiradores comprados pelo Estado junto a WEG virão para Blumenau para novos leitos de UTI, que serão implantados com recursos do Município nos Hospitais Santa Isabel e Santo Antônio, num investimento de até R$ 6 milhões.

Sobre o transporte coletivo, o Governador explicou que na próxima semana fará a liberação de uma matriz de gerenciamento de risco. Com base nesse documento os municípios trabalharão a retomada de serviços, como o transporte coletivo. “O que pedimos foi que pudéssemos decidir sobre a retomada dos serviços. Enquanto Prefeito, entendo que tomar decisões assim é também meu dever. Vamos aguardar o envio dessa matriz de risco pelo Estado e então ver quais decisões poderão ser tomadas. Não há, nesse momento, previsão de retorno ainda dos serviços como aulas e transporte coletivo em Blumenau”, explica o Prefeito.

Outro assunto debatido foi a liberação de recursos para o balizamento e cercamento do Aeroporto Regional de Blumenau, o Quero-Quero e para a construção do Centro de Convenções. A Prefeitura havia recebido um ofício informando a dificuldade financeira do Governo do Estado para a liberação dos recursos nesse ano.

Durante a conversa, Hildebrandt sugeriu que o Governo do Estado assine o convênio ainda em 2020, com liberação dos recursos em 2021, para que a Prefeitura possa encaminhar os processos licitatórios, dando início às obras assim que os recursos forem liberados. “O Governador e a equipe se comprometeram a analisar nossa proposta e se mostraram favoráveis ao pedido. O importante é que os recursos venham e a cidade seja atendida”, destacou Hildebrandt.

Nenhum deputado estadual da cidade acompanhou a reunião.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta