Regina Duarte aceita convite de Bolsonaro e assume a Secretaria de Cultura

Foto: Reuters

Após reuniões durante o dia no Palácio do Planalto, a atriz Regina Duarte afirmou nesta quarta-feira, 29, que aceitou o convite do presidente Bolsonaro e vai assumir a Secretaria Especial da Cultura.

“Sim, tá? Só que agora vão correr os proclamas antes do casamento”, disse a atriz em referência a metáforas de matrimônio usadas pelo presidente.

“Trata-se de um reforço do mais alto nível para compor o time do governo federal. Turismo e Cultura são atividades com uma forte sinergia que mostram ao mundo o que o Brasil tem de melhor, além de terem um alto potencial de geração de emprego e renda em nosso país e é sob essa perspectiva que trabalharemos fortemente”, afirmou o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, ao qual a secretaria é subordinada.

A atriz desembarcou em Brasília no início desta quarta e falou brevemente com os jornalistas. Na ocasião, disse que havia um protocolo a ser seguido e que não poderia falar mais sobre o assunto.

A Secretaria da Cultura herdou as atividades do antigo Ministério da Cultura, extinto pelo presidente. O órgão estava sem comando desde o último dia 17, quando o ex-secretário, Roberto Alvim, foi demitido por causa da divulgação de um vídeo com estética nazista.

A nomeação oficial de Regina Duarte ainda terá de ser publicada no “Diário Oficial da União”.

As informações são do G1

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta