Radares móveis suspensos, abuso de autoridade, orçamento das federais e os números do desemprego

Foto: O Globo

Radares móveis suspensos

Publicada no Diário Oficial da União, a suspensão do uso de radares móveis em rodovias federais. A decisão do presidente Jair Bolsonaro já havia sido anunciada em evento no Rio Grande do Sul, na segunda-feira, 12.

Não há indicação sobre quando a medida entra em vigor.

Com informações: UOL

Abuso de autoridade

Aprovado na noite desta quarta-feira, 14, na Câmara dos Deputados, o projeto que define quais as situações será configurado crime de abuso de autoridade.

Durante a sessão, alguns parlamentares defenderam o adiamento da votação, mas a maioria dos deputados optou por votar nesta quarta. Antes da conclusão da votação, o plenário derrubou os três destaques apresentados para modificar o texto.

Como a proposta já foi aprovada pelo Senado, seguirá para sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Orçamento das federais

Em uma reunião entre reitores e Abraham Weintraub, o ministro da Educação sinalizou com a possibilidade de que o bloqueio no orçamento dos institutos e universidades federais deve começar a ser revertido a partir do próximo mês. 

A informação foi divulgada na tarde de ontem pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes).

Segundo a Andifes, Weintraub citou dois motivos que podem permitir a mudança na política orçamentária: a expectativa de aumento da arrecadação de tributos em agosto, e o recebimento de dividendos pelo governo federal.

Números do desemprego

IBGE mostra que no trimestre encerrado em junho, a taxa de desemprego no Brasil caiu para 12%, atingindo 12,8 milhões de pessoas.

Com informações: G1

Resumo do Brasil: radares móveis suspensos, abuso de autoridade, orçamento das federais e os números do desemprego. 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta