Trabalhadores do transporte coletivo receberão R$ 369 referente ao salário atrasado de dezembro

Foto: Alexandre Gonçalves / Informe Blumenau

A diretoria do Sindetranscol está passando nos terminais de ônibus de Blumenau para tentar desarmar os ânimos da categoria, que soube o valor que será depositado na conta dos trabalhadores nesta sexta-feira, 22:  cada um receberá R$ 369,00 , correspondente a parte do salário de dezembro, atrasado desde o quinto dia útil.  É a primeira remuneração em dinheiro paga pelas três empresas do Consórcio Siga, a partir do bloqueio determinado pela Justiça do Trabalho. Nesta quarta-feira, se fechou o valor arrecadado nos últimos dias com a venda de créditos antecipados. Deu  R$ 498 mil.

Conversei com Ari Germer, presidente do sindicato, que está fazendo o corpo a corpo com os trabalhadores para tentar pedir paciência até o fim do mês: “Este repasse é apenas o segundo depois do bloqueio determinado pela Justiça”, argumenta Ari, que tem a expectativa de que, no fim do mês, entre na conta mais R$ 2,8 milhões.

“Historicamente em janeiro as empresas arrecadam R$ 4 milhões”, lembra o presidente. Como cerca de R$ 700 mil foram liberados no dia 10 de janeiro e agora mais quase R$ 500 mil,  Germer entende que será possível entrar na conta do Siga o valor equivalente para pagar toda a folha de dezembro pendente e talvez parte do décimo-terceiro salário, atrasado há mais de um mês.

Os efeitos do descontentamento já podem ser sentidos pelos usuários. Alguns trabalhadores não estão cumprindo todas as obrigações, faltando ou se atrasando para o serviço. Este seria um dos motivos da não abertura das estações de embarque da avenida Beira Rio, no fim de semana.

A Prefeitura monitora a distância, trabalhando nos bastidores para dar um encaminhamento definitivo para a crise. Este encaminhamento pode estar perto.

Foto: Alexandre Gonçalves / Informe Blumenau
Foto: Alexandre Gonçalves / Informe Blumenau

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta