Primeira edição do Festival Brazuca ocorre no dia 24 de novembro, em Blumenau

Arte: divulgação

No dia 24 de novembro, domingo, Blumenau recebe o primeiro Festival Brazuca. O evento ocorrerá das 16h às 23h, no Downtown Urban Club, e contará com show das bandas Tarrafa Elétrica, Pororoca, Pirão Catarina, além de discotecagem com Lado C Bailinho de Vinil e exposições. Os ingressos antecipados estão à venda pelo http://bit.ly/sympla-festivalbrazuca, a R$15, e, no dia, a R$ 20.

“O objetivo do evento é reunir importantes artistas da região, que representam e fomentam a diversidade cultural brasileira”, diz o baterista e um dos organizadores do evento, Darlan Dias. Para o produtor de eventos, Cleber Lima, à frente Downtown Urban, o evento nasce do encontro de artistas e produtores envolvidos com a música e com a cultura brasileira. “É uma ação que visa mostrar o talento e o quanto os artistas do Vale do Itajaí e Santa Catarina somam para a Cultura do nosso país”, afirma Lima.

Tarrafa Elétrica

Naturais de Itajaí, o grupo surgiu em 2004 e é referência no cenário musical catarinense. Misturando ritmos tradicionais, instrumentos modernos e estética diferenciada, buscamos o fortalecimento da identidade cultural “peixeira”. Além disso, atuamos com forte engajamento socioambiental, trazendo tais questões para o centro de nossas composições, e atuando em projetos com parceiros como o Instituto Federal de Santa Catarina e o Coletivo Memórias do Mar. Musicalmente, misturam ritmos como Boi-de-Mamão, Cacumbi e Terno de Reis com Rock, Rap e Jazz; e instrumentos como a viola caipira e bumbo leguero com guitarra, baixo e bateria. A banda é formada por Evandro “Che” Marquesi, voz e composições; Emmanuel Schmidt, guitarra e voz; Lenon Cesar, baixo; Rodrigo Cavaleri, violão, banjo, viola caipira e voz; Icó Moronguetá, percussão; Marcos Renato, percussão; e Júnior Denker, na bateria.

Poroca

Banda catarinense de sonoridade poderosa e vibrante. Conhecida por fundir clássicos da música brasileira e internacional a nomes atuais em arranjos modernos. Rock, reggae, samba, hip-hop, funk, salsa e baião são apenas algumas das vertentes pelas quais a banda trilha caminho. Além do setlist arrojado, as músicas autorais passeiam pelo mesmo caminho eclético e vibrante, em que os músicos vestem a diversidade e fazem dela uma surpresa de ritmo e harmonia. A banda é formada por Lúcio Locatelli, voz, guitarra e violão; Fabiano Sevegnani, guitarra, baixo e backing vocals; Luciano da Costa, baixo, trombone, programações e backing vocals e Darlan Dias, bateria, percussão e backing vocals.

Pirão Catarina

Naturais de Gaspar, a banda surgiu em 2013, unindo a parceria dos integrantes e a paixão pela música. Uma apresentação de forte influência do cenário musical regional com uma mistura de ritmos que percorre entre o samba e o forró, o rock e o reggae, o instrumental e o MPB, unido a um sotaque característico, criando uma viajem do litoral ao interior, do surf ao pescador, da mata ao agricultor, do mar a serra. O trabalho autoral e apresentação buscam cantar as coisas simples, o cotidiano, a cultura, o sotaque e a alma da banda.

Lado C Bailinho de Vinil

O projeto surgiu em Blumenau, idealizado por três amigos, amantes dos famosos bolachões. Pesquisadores musicais, os ‘vira’ discos Rafael Barros, Mari Florêncio e Gabriel Ugarte, garimpam e trazem para o cenário, pista, bailinhos, o que tem de melhor para dançar e se divertir, em um repertorio de clássicos do rock, funk soul, anos de 1980, e de brasilidades.

Fonte: Nane Pereira Comunicação e Arte

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta