Presidente da Assembleia de SC é um dos alvos de operação da Polícia Federal

Foto: ALESC

O deputado estadual Julio Garcia (PSD), presidente da Assembleia Legislativa, é um dos alvos da Operação Alcatraz, desencadeada nesta quinta-feira, 30, pela Polícia Federal e Receita Federal. Um apartamento e um sítio dele foram motivos de busca e apreensão na manhã de hoje.

As fraudes investigadas teriam relação com licitações e contratos da Secretaria de Administração do Governo do Estado com uma empresa de tecnologia.

Foram mais de quarenta mandatos na capital e em outras cidades catarinenses. 11 pessoas foram presas e um delas seria, segundo a NSC TV, Nélson Castelo Junior, que ocupou cargos em diferentes governos, inclusive sendo secretário  adjunto nos Governos de Raimundo Colombo (PSD) e Pinho Moreira (MDB), hoje diretor de tecnologia da Assembleia Legislativa. Outro preso seria o ex-prefeito de Ituporanga, Luis Hessmann, ex-presidente da Epagri.

O deputado Julio Garcia não se manifestou ainda.

Leia mais sobre a operação aqui, 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta