O que o governador falará para lideranças dos setores agrícolas nesta quinta-feira?

Foto: divulgação

Cada vez mais isolado, o governador Carlos Moisés (PSL) promete se reunir nesta quinta-feira com lideranças do setor agrícola, em especial do agronegócio. Em pauta, a manutenção do decreto que aumenta a alíquota de 68 segmentos da economia catarinense, como carnes suínas e de frango e os defensivos agrícolas, com inevitáveis na produção catarinense.

Moisés não ouviu ninguém para tomar esta decisão, em consenso com o então governador Eduardo Pinho Moreira (MDB), ainda no final do ano passado. Por conta de suas convicções e da falta de debate, está sendo bombardeado por todos os lados, inclusive fogo amigo.

E parece que Moisés não aprende. Segundo colegas colunistas da capital, o governador teria  cobrado do comando nacional do PSL  a expulsão de dois deputados estaduais, Jessé Lopes e Ana Caroline Campagnolo, que fizeram duras críticas a ele.

Errata: publiquei originalmente que os deputados estaduais participariam do encontro, mas logo que postei nas redes sociais, o deputado Ivan Naatz me ligou para dizer que nenhum parlamentar foi convidado. Desculpe pelo erro.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta