Ex-deputado Joares Ponticelli assume a presidência da Fecam

Foto: ALESC

Joares Ponticelli, prefeito de Tubarão, assumiu a presidência da Federação Catarinense de Municípios (Fecam), nesta terça-feira (15). A solenidade de posse aconteceu na Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), em Florianópolis.

Uma chapa única liderada pelo prefeito de Tubarão foi homologada para comandar a Federação Catarinense de Municípios (Fecam) na gestão 2019/2020. A chapa de consenso foi deliberada pelos prefeitos e prefeitas indicados ao processo eleitoral pelas 21 Associações de Municípios. Nesta metodologia, já tradicional, o municipalismo catarinense contempla a ampla representação regional e a diversidade política de Santa Catarina.

Ponticelli aposta em uma pauta pró-ativa em favor do municipalismo catarinense. Para isso, garante que vai investir em parcerias com os Poderes. “Com a Assembleia Legislativa, por exemplo, logo que o presidente Júlio Garcia assumir, em fevereiro, nós já vamos pautar essa conversa com o governo do estado para saber como vai funcionar a dinâmica, face ao fechamento das ADRs. Também vamos buscar diálogo com o Ministério Público, com o Poder Judiciário, com o Tribunal de Contas, e com as entidades como Fiesc, Fecomércio. Entendemos que há um espaço de diálogo, além do Fórum Parlamentar Catarinense para, de fato, construirmos uma pauta junto ao Governo Federal, que possa fortalecer o municipalismo. O presidente Bolsonaro passou a campanha pregando ‘Menos Brasília, mais Brasil’ e é o que a gente quer.”

A chapa para as eleições da Fecam é também formada pelo prefeito de Balneário Piçarras (AMFRI), Leonel José Martins, como 1º vice-presidente; o prefeito de Itapoá (Amunesc), Marlon Roberto Neuber, como 2º vice-presidente; o prefeito de Itapiranga (AMEOSC), Jorge Welter, como 3º vice-presidente; o prefeito de Pomerode (AMMVI), Ércio Kriek, como 1º secretário e o prefeito de Mafra (Amplanorte), Wellington Roberto Bielecki, como 2º secretário.

O Conselho Fiscal é integrado por oito titulares e sete suplentes, todos prefeitos. Os Conselhos Executivo e Fiscal, juntamente com o Conselho Deliberativo, composto pelos prefeitos que presidem as 21 Associações de Municípios de Santa Catarina, formam uma diretoria pluripartidária e contemplam todas as regiões do estado.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Silvio Dreveck, considerou que os municípios têm uma atribuição cada vez maior, principalmente nas últimas duas décadas, desde que o Governo Federal iniciou seu repasse, mas, segundo ele, com valores que não correspondem às necessidades.

“Eu dou como exemplo o programa de saúde da família, em que o Governo Federal repassou para os municípios o valor de R$ 20 mil. Um programa desses custa no mínimo R$ 50 mil por mês.”

Para Dreveck, o trabalho da Fecam é o de buscar ajuda junto ao Governo Federal, junto aos parlamentares, para haver compensação nas atividades que os municípios exercem. “A Fecam tem feito um trabalho extraordinário, nos últimos anos, com toda a sua diretoria. Eu não tenho dúvida de que o deputado e hoje prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, pela experiência que tem, vai dar uma grande contribuição aos municípios catarinenses.”

Sobre Ponticelli

Joares Ponticelli foi presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) em 2013, ano em que assumiu interinamente o Governo do Estado por um período de 10 dias. Em 2017, presidiu a Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel). Em 2018, atuou como membro titular do Conselho Fiscal da Federação Catarinense de Municípios (Fecam). Atualmente é vice-presidente da Frente Nacional dos Prefeitos (FPN) – gestão 2017/2019.

Fonte: ALESC

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta