Eleição na OAB Blumenau: confira as propostas dos candidatos

A campanha eleitoral pelo comando da OAB em Blumenau entra na reta final, em um clima inédito e quente de disputa. São três chapas que buscam os votos de cerca de 2.200 advogados na cidade e em Pomerode. Nos últimos dias houve um acirramento dos ânimos, com troca de acusações e insinuações pelas redes sociais e também no debate promovido pela TV Galega, realizado na semana passada.

A chapa 102, liderada pelo procurador do Município Romualdo Marchinhacki, representa o grupo que está no comando da entidade em Blumenau atualmente. As duas outras se apresentam como oposição: a chapa 101, com o advogado Pedro Cascaes a frente e a chapa 103, com Flávio Pinheiro Neto.

Imagens: Reprodução internet
Imagens: Reprodução internet

A disputa também é pelo comando da OAB estadual, onde duas chapas buscam o voto dos advogados catarinenses. Lá o que é situação aqui é oposição e vice-versa. O presidente da Ordem em Blumenau, Cesar Wolff,  é candidato a vice na chapa de Adriano Zanotto, de oposição e tem o apoio da chapa 102.  Concorrem contra Paulo Brincas, com o aval de Tullo Cavallazzi Filho, atual presidente da OAB no estado, que conta com o apoio da Chapa 101. Os representantes da chapa 103 se colocam como independentes, sem estar vinculados com nenhum dos candidatos.

Entendo a OAB como uma das entidades mais importantes da sociedade brasileira. Já foi protagonista das decisões do país, principalmente no final da ditadura militar e na reconstrução do processo democrático. É a instituição que deve zelar pelos direitos dos cidadãos. Por conta disto, o Informe Blumenau fez questão de dar visibilidade as propostas das chapas que querem comandar a OAB em Blumenau.

Na última sexta-feira, 6,  gravamos o Informe Blumenau Entrevista com um modelo diferenciado, abrindo um espaço entre 10 e 12 minutos para cada candidato. Eles responderam duas perguntas comuns e pré-definidas. Outras oito perguntas foram preparadas e sorteadas durante a gravação, de acordo com o tempo. Cada um acabou respondendo cinco, além das duas pré-estabelecidas.

Infelizmente o candidato Flávio Pinheiro Neto não compareceu a gravação, apesar de ter confirmado a presença horas antes da entrevista. Mas alegando um imprevisto, preferiu não participar, o que o Informe Blumenau lamenta bastante. Confira o que disseram os candidatos. A ordem da entrevistas é a ordem das chapas.

 

 

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta