De volta, Bolsonaro tem pepinos do tamanho do Brasil para resolver

Caso tríplex no STJ

O Superior Tribunal de Justiça (STJ), deve julgar em breve o caso do ex-presidente Lula sobre o tríplex do Guarujá (SP).

É a terceira instância em que o processo vai passar.

Lula já foi condenado pelo agora ministro Sérgio Moro e pelo TRF-4.

O escritório brasileiro em Jerusalém

Nesta segunda-feira (01), em sua viagem por Israel, o presidente Jair Bolsonaro comentou a reação de palestinos sobre a decisão do governo brasileiro de abrir um escritório comercial em Jerusalém.

No domingo (31), após o anúncio da abertura do escritório, a Autoridade Palestina afirmou que vai chamar de volta seu embaixador no Brasil para consultas e para estudar uma resposta à medida.

“É direito deles reclamar”, disse Bolsonaro após ser questionado sobre o tema por jornalistas que acompanham a viagem do presidente a Israel.

Sobre a mudança de Embaixada, Bolsonaro pediu calma e disse que seu mandato vai até 2022.

Com informações: G1

Os pepinos

Depois de sua passagem por Israel, Bolsonaro deve chegar à Brasília na próxima quarta-feira (03) e já terá pepinos para descascar.

Segundo o blog da Andréia Sadi (G1), o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, já prepara uma agenda para o presidente a partir da quinta-feira (04). Entre as pautas, reunião com presidentes de cinco partidos e líderes do Senado e da Câmara para discutir a articulação política tão criticada até aqui.

O outro pepino é casa da mãe Joana: o MEC.

Nada aprovado até agora

Registrado no Estadão, em quase 100 dias de gestão, nenhum dos 16 projetos e medidas provisórias enviadas pelo governo de Jair Bolsonaro ao Congresso foi aprovado.

Um dos exemplos é a MP que muda a estrutura dos ministérios. O prazo para o texto ser votado é 3 de junho ou estruturas como a do Ministério da Economia, que aglutinou três pastas, terão de ser desmontadas.

Resumo do Brasil: o Caso Tríplex no STJ, Bolsonaro em Israel, os pepinos do tamanho do Brasil para resolver na volta e até agora nada do governo foi aprovado.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta