CDL Blumenau lança campanha “Recupere seu crédito”

Em Blumenau, há 40.720 pessoas registradas no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), disponibilizado pela CDL Blumenau. Ao todo são 65.331 registros, ou seja, muitas pessoas estão com mais de uma dívida no nome. A média de registros por inadimplente é de 1,6. O valor total das dívidas chega a R$ 51.057.835,77, o que implica que cada pessoa inadimplente deve em média R$ 1.253,58. Os números são reflexos da pandemia, que teve impacto direto na vida financeira das pessoas e na economia do comércio local.

Pensando em oportunizar formas de conciliação entre as empresas e os consumidores, a CDL Blumenau está lançando a campanha “Recupere Seu Crédito”. De acordo com o diretor de SPC da CDL Blumenau, Antonio Bittelbrunn Junior, os objetivos são contribuir com a retomada da economia da cidade e proporcionar à comunidade melhores condições de negociar e quitar as dívidas.

“Queremos incentivar o consumidor a aproveitar os tradicionais recursos do fim de ano, como férias e décimo terceiro, para procurar as lojas do comércio e negociar as dívidas. Em contrapartida, também estamos incentivando os associados a concederem descontos e condições facilitadas de pagamento das dívidas”, explica Bittelbrunn.

Além disso, a CDL Blumenau está colocando à disposição da comunidade e dos associados a Central de Cobranças da entidade, a fim de facilitar as negociações. Caso o consumidor possuir alguma dívida com algum estabelecimento do comércio de Blumenau, ele pode entrar em contato com a Central de Cobranças pelo telefone (47) 3221-5706 ou WhatsApp (47) 99702-9624 para realizar a negociação.

Os consumidores que não souberem onde possuem pendências financeiras podem fazer uma consulta diretamente no SPC da CDL Blumenau, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h. Mais informações pelo telefone (47) 3221-5709.

O setor de SPC e a Central de Cobranças da CDL Blumenau estão localizadas no 2º andar do Shopping H, sala 27, na Rua XV de Novembro, 759 – Centro.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta