Biblioteca Dr. Fritz Müller celebra 67 anos nesta terça-feira

Foto: divulgação PMB

A Biblioteca Municipal Dr. Fritz Müller comemora nesta terça-feira, dia 30, 67 anos e o programa Biblioteca Ambulante chega aos 42. Para marcar a data, estão sendo preparadas atividades culturais para brindar o público que frequenta o ambiente dos livros da famosa Rua das Palmeiras (Alameda Duque de Caxias, 64), no Centro Histórico. A programação aberta a toda a população começa às 9h30 com lançamento de livro, apresentações artísticas e show com integrantes da Banda Municipal de Blumenau.

Brindando este encontro de gerações, será lançado o livro de poesias de Sofia Moura Donato, de 13 anos. A estudante do 9º ano do Ensino Médio apresenta sua mais recente obra: “Desculpe Viajei!”. Também estão previstras declamações de poesias nas vozes de Werner Reimer e Reynaldo Pfau. “Continuamos com nossa missão nestes 67 anos, oferecendo e apoiando um espaço que guarda um mundo mágico, repleto de aprendizados e sonhos”, comenta a gerente da biblioteca municipal Araci Cristina França de Carvalho. “A ações oferecidas para a comunidade constroem, renovam e mantêm as histórias de várias gerações. Sempre estaremos nos reinventando e caminhando em harmonia com a era tecnológica, pois livros são eternos amigos da humanidade e estarão sempre ao alcance das pessoas.”

A história da biblioteca começou em 1940 com um acervo de apenas 2 mil livros. Em 30 de julho de 1952, a Lei Número 354 institucionalizou a Biblioteca Municipal, cujo nome é em homenagem ao trabalho do naturalista alemão Dr. Fritz Müller. A unidade foi instalada no terreno de Dona Edith Gaertner, doado em 1963 à Casa Dr. Blumenau (atual Fundação Cultural). Nos anos 1980, o acervo chegou a quase 85 mil obras. Mas duas grandes enchentes (de 1983 e 1984) ocasionaram a perda de quase 75% da coleção.

Em 1986, longe do alcance das águas, foi inaugurado o novo espaço que abriga até hoje a biblioteca e o Arquivo Histórico José Ferreira da Silva. A comunidade dispõe atualmente de cerca de 65 mil volumes para leitura e pesquisa. “O acervo engloba títulos para os mais variados gostos literários (romance, ficção, poesia, literatura infantil, biografias, culinária, saúde, agricultura, história etc) e diferentes necessidades de informação atualizada (jornais diários e revistas). Além de um acervo específico da língua alemã, que conta atualmente com 5 mil livros todos no idioma alemão”, informa Araci Cristina.

A Biblioteca Municipal oferece para a comunidade o empréstimo domiciliar e um local especial para estudo e pesquisas. Desenvolve atividades de incentivo à leitura, promoção da literatura e ações culturais e artísticas, como a Hora da Leitura (contação de histórias), Visita Orientada, Biblioteca Ambulante, palestras, debates literários (lançamentos de livros) exposições temáticas, auxílio em pesquisas, internet pública, semanas e saraus literários, resgate da língua alemã (projeto Contos e Encontros), entre outras ações. “Também desenvolve ciclos de palestras, oficinas literárias e o Circuito de Literatura Nacional Monteiro Lobato, em parceria com o Proler”, comenta Araci Cristina ao citar ainda o projeto Contação de Histórias no ambiente hospitalar – Histórias, Saúde e Alegria, uma atividade que é promovida em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, com a área de pedagogia hospitalar e Hospital Santo Antonio.

Biblioteca Ambulante

Outra atividade tradicional de incentivo à leitura é a Biblioteca Ambulante, que tem a missão de levar livros, sonhos, inclusão social e histórias sobre rodas para as escolas mais distantes do Centro. “É um dos mais importantes programas de incentivo à leitura da cidade. Sob a iniciativa do professor José Ferreira da Silva, ex-diretor da Fundação Cultural de Blumenau (antiga Fundação Casa Dr. Blumenau), surgiu o primeiro veículo que começou a circular em julho de 1977”, comenta Araci Cristina. “Foi uma iniciativa pioneira em Santa Catarina criada para atender as escolas isoladas do município.”

No princípio do programa, a Kombi se deslocava pelo interior levando literatura para 17 escolas isoladas. Em 2008, a Sociedade de Amigos da Biblioteca Municipal Dr. Fritz Müller e a Visa Net assinaram convênio para revitalização da Biblioteca Ambulante. Os recursos envolveram investimentos em literatura infantil, um veículo próprio (Kombi adaptada para essa finalidade), oferecimento de oficinas de pesquisa escolar nas instituições atendidas e atividades de incentivo à leitura. Em 2018 com a parceria do Grupo Breitkopf a identidade visual da Biblioteca Ambulante foi modernizada com novas imagens inseridas.

Atualmente, a Biblioteca Ambulante visita oito escolas multisseriadas oferecendo o serviço de empréstimos de livros (literatura infantil, infantojuvenil e adulta, entre outros – conforme as demandas de informação do público atendido). “Além disso, atividade de leitura e contação de histórias são oferecidas juntamente com ação de educação patrimonial desenvolvida em parceria com o Museu da Família Colonial”, explica a gerente. “Em 2019 iniciamos parceria com a Pró-Família e passamos atender o público da terceira idade e crianças e adolescentes dos vários programas desenvolvidos, adequando a linguagem conforme a necessidade, realizando a contação de histórias e ações de leitura.”

Durante a passagem da Kombi, cada leitor faz o empréstimo de obras literárias por 30 dias e, nesse período, pode efetuar a troca com os colegas, permitindo o giro cultural das obras entre seus colegas. “No mês seguinte a Biblioteca Ambulante retorna, recolhendo os livros e renovando os empréstimos. Além disso, os professores promovem trabalhos com essas obras”, destaca Araci Cristina. “Em 42 anos, o programa de extensão da Biblioteca Municipal Dr. Fritz Müller proporcionou o acesso à leitura para mais de 37 mil crianças, adolescentes e adultos. A Biblioteca ambulante atende também projetos e eventos de inclusão social, como são os casos da Rota de Lazer nos Bairros e ações de cidadania.”

Nos últimos 10 anos, até junho de 2019, as ações, programas e eventos internos e externos da Biblioteca Municipal Dr. Fritz Müller, proporcionaram manifestações em prol da preservação e divulgação constante da cultura, educação, inserção social e literatura. Nesse período foram feitos cerca de 164 mil atendimentos diretos à comunidade em todas as faixas etárias.

Fonte: Secretaria de Comunicação PMB

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta