A Oktoberfest e a chuva

FOTO: divulgação Secom/Oktorberfest

Opinião aviso artigos terceiros

valmir zanetti

 

VALMIR ZANETTI

Presidente Blumenau e Vale Europeu Convention & Visitors Bureau

Vivemos um período difícil, não há nenhum questionamento acerca disso. Mas também vivemos a época do ano em que a nossa vocação turística mostra a sua potência e oportunidade que traz de recursos e divulgação para a nossa cidade. Equalizar esses momentos não é simples, mas necessário.

Enquanto, especialmente pelas redes sociais e sem conhecer a realidade do evento, muita gente aproveitou para criticar a decisão da manutenção da Oktoberfest, na noite em que o rio atingiu o seu pico – de quinta para sexta-feira – 11 mil pessoas estiveram no Parque Vila Germânica.

Se a festa tivesse sido cancelada, como sugeriram várias pessoas, certamente quem se desloca nesta sexta-feira para Blumenau para o último fim de semana do evento não viria mais. Com o rio já baixando, perderíamos a oportunidade de trazer renda para famílias atingidas.

É óbvio que as pessoas que tiveram as suas casas atingidas foram liberadas e não trabalharam. O que é motivo de polêmica para quem não conhece as engrenagens do evento, para nós é simples: não só estamos solidários com esses profissionais e ajudando no que pudermos, mas também entendemos e não exigimos a presença deles nestes momentos.

Se engana quem pensa que é apenas a Vila Germânica que se beneficia com essa decisão. Com os turistas na cidade, os pontos de vendas de souvenires, restaurantes e outras estabelecimentos que mantiveram as suas operações também ganham. E é assim que funciona o ciclo virtuoso do turismo: os visitantes visitam os pontos mais conhecidos da cidade, que empregam cidadãos de todos os bairros e disseminam a verba que eles trazem. Além dos impostos gerados, que são utilizados para manutenção da cidade e para reorganização do município depois de uma situação como esta.

O Convention Bureau parabeniza a decisão corajosa e necessária da Secretaria de Turismo e do Parque Vila Germânica, porque acredita que nesta história não existem dois lados. Existe um só: o cancelamento da Oktoberfest seria apenas perda. De credibilidade, de recursos e de mais um motivo para usarmos a nossa força para restabelecermos a normalidade.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta