Assembleia aprova fim de ressarcimento de despesas médicas para deputado estadual

Por unanimidade entre os deputados presentes – 21 votos -, foi aprovado na sessão desta quarta-feira, 12, o fim do pagamento de despesas médicas para parlamentares.

A proposta partiu dos deputados Ana Paula Lima, Dirceu Dresch e Luciane Carmanatti (PT), depois que informações sobre os gastos da Assembleia com despesas médicas parlamentares foram divulgadas pela imprensa em julho passado. Na verdade, a repercussão é sobre o caso do ex-presidente da Casa, Aldo Schneider (MDB), falecido em agosto, que obteve ressarcimento de mais de R$ 3 milhões pelo tratamento de câncer.

O projeto revoga uma resolução de 1992 que instituiu o benefício.

O deputado Jean Kuhlmann tentou pegar uma carona com a proposta dos petistas. Gravou um vídeo onde cita seu foto na CCJ, onde é presidente. Mas ignora os autores.

3 Comentário

  1. Os deputados autores da tardia proposta estão a vários mandatos e só agora sabiam desses gastos ?

  2. Deve haver mais privilégios…que tem de ser EXTINTOS… pois o meu imposto é sagrado… e deve ser tratado e usado com RESPEITO….

  3. Parlamentares deveriam ganhar apenas uma ajuda de custo de uns 2SM no máximo.
    Por isso meu voto é para Daciolo pra acabar com esses buracos sem fim.

Deixe uma resposta