Advogado de sindicatos ligados aos trabalhadores da URB fala da Tribuna Livre da Câmara de Blumenau

O advogado Célio Hohn, usou a tribuna livre da Câmara Municipal, representando os sindicatos – Sindicato dos Trabalhadores da Construção Imobiliária de Blumenau e o Sindicato dos Trabalhadores de Asseio e Conservação -que representam os trabalhadores da Companhia Urbanizadora de Blumenau, cuja a extinção foi anunciada pelo prefeito Mário Hildebrand (Sem partido) no dia 8 de março.

Ela estava acompanhado de um grupo de trabalhadores da URB.

Hohn criticou terceirização do serviço proposta pelo Município, dizendo que na história da empresa e da Prefeitura nunca deu certo este modelo e que custará mais caro. Defendeu o papel da Companhia Urbanizadora de Blumenau como prestadora de serviço para o Município.

Contesta os valores da dívida apresentados pela Prefeitura. “Todas são pagáveis”, dizendo que o recente aporte de R$ 15 milhões, aprovado pela Câmara, resolveria o problema.

Afirmou que o Município deveria era apenas exonerar os cargos comissionados (75) e fazer uma gestão mais eficiente.

“É racional extinguir a Urbanizadora”, deixa a pergunta o advogado.

 

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta