Vida longa para a Feira da Curt Hering

Foto: Informe Blumenau

A Rua Curt Hering, juntamente com a Floriano Peixoto, é o coração do centro de Blumenau quando falamos em humanização do espaço até então sisudo e pouco atrativo.ão

Foi lá que há cinco anos nasceu a Feirinha da Servidão Wollestein, que  virou Feirinha da Servidão e foi parar agora no entorno da Prefeitura de tanto que cresceu. Foi ela que deu o toque humano da região central aos domingos, juntamente com a Rota de Lazer na Rua XV de Novembro.

Para manter a chama e explorar o potencial da rua mais charmosa do centro, criaram a Feira da Curt Hering, que começou neste domingo, 17.

Eu e a família estivemos lá e aprovamos. Até o tamanho – ainda reduzido, cerca de 40 expositores – fez este primeiro dia bacana e charmoso, com produtos diferenciados de todas as espécies.

E boa música, um chopinho gelado, opções de gastronomia, espaço para crianças e muita gente bacana.

Vida longa para  Feira da Curt Hering!

 

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta