TV Informe: “Bando de cagão”, diz Almir Vieira na tribuna da Câmara de Blumenau

Foto: Rafael Carrasco/CMB

“Bando de cagão”. O vereador Almir Vieira (PP), vice-presidente da Câmara de Blumenau, usou esta expressão pelo menos três vezes na tribuna durante a sessão desta terça-feira, 13. Entendi que referia a algum colega ou gente do próprio legislativo.

Estava muito indignado, ele que disputa a Presidência da Casa a partir de 2019. Pelo que entendi, estava respondendo sobre situações pessoais que envolveriam ele e estariam sendo colocadas nas redes sociais.

Também falou sobre o processo eleitoral do Tapete Negro, em fase de julgamento,  citado por alguns vereadores e publicado no Informe Blumenau. “Fui acusado e provo o que fiz, não precisa companheiros falar para imprensa. Vem falar para mim. Cagão, Cagão…Não tem coragem de olhar no meu olho?”

‘Meu silêncio termina hoje”, fazendo uma ameaça não sei sobre o que para os colegas. E prosseguiu.

“Não usa calça, não é homem? Se esconde atrás de um fake, de um blog…”, insinuando que alguém estaria difamando ele, inclusive pagando blogs, sem citar quais.

“Bando de cagão, se é homem vem falar comigo. Mexeram com a pessoa errada…, seu eu sou bandido, vou provar que tem mais bandidos aqui dentro…bando de cagão…eu uso calça, sou honrado de família, não tenho medo de ninguém…”

“Eu tenho a forma de agir que a lei permite, e a forma de agir que o homem permite”, afirmou em tom ameaçador. “Cheguei no meu limite de homem, não vou admitir, e vou mostrar nesta casa como se faz politica…”

Para quem acha que estou exagerando, segue o vídeo do vice-presidente da Câmara de Vereadores de Blumenau. Para quem será que ele está mandando recado?

 

5 Comentário

  1. Ah…Só pra lembrar aos nobres vereadores…
    O meu suado imposto está pagando o homem da tribuna discursando e os chamados por ele de ….
    Vão fazer o que são pagos pra fazer…ninguém lhes obrigou a concorrerem a mandatos de vereadores…
    POR FAVOR deem-se ao respeito.
    Blumenau está PARADA!!!!! – MEXAM-SE HOMENS…OU… PEÇAM PRA SAIR
    LAMENTÁVEL E LASTIMÁVEL

  2. ” Vou provar que tem mais bandido aqui dentro”

    Denuncia gravíssima , o Presidente do legislativo tem a obrigação de solicitar ao vereador que prove as denúncias , da mesma forma que o prefeito e demais vereadores solicitaram ao vereador
    Ito quando acusou agentes públicos por corrupção .

    Corretíssimo o leitor Renato , trabalhamos para pagar o salário desta casa legislativa que dizem ser a casa do povo . Na minha casa , não acuso ninguém sem provas ou chamo as pessoas por
    jargões utilizados pelo vereador .

    Falando em tapete negro, quando o MP vai se manifestar ?

  3. Alcino Carrancho, Aquele Que Se Arrepia Todo Quando Percebe Que Está Perante Valentões disse:

    Ky Koysynha mais kyryda, almirzinho vieirazinho machynho!

    Fykey todo arrypyado, manynhozynho!

    Enquanto tu falavas, estava todo o mundo escondido debaixo das mesas, coitadinhos!

    Olha aqui, lindão: eu já vi muito valentão se cagar* de medo na frente do juiz.

    Cuidado, ora pois então!

    *uso este vulgar termo por má influência.

    Alcino Carrancho,

    Aquele Que Se Arrepia Todo Quando Percebe Que Está Perante Valentões

  4. “Bando de cagão, se é homem vem falar comigo. Mexeram com a pessoa errada…, seu eu sou bandido, vou provar que tem mais bandidos aqui dentro…bando de cagão…eu uso calça, sou honrado de família, não tenho medo de ninguém…”

    E aí Presidente Marcos da Rosa , estas foram as palavras do seu vice presidente ?

  5. Da “Casa do povo” para a “Casa dos Cagões”…..que fase a política de Blumenau chegou .

Deixe uma resposta