Prefeitura abre nova licitação para obra na Rua General Osório

Foto: PMB

Com 30% dos serviços executados na obra de readequação da Rua General Osório, a Prefeitura de Blumenau publica nesta quinta-feira, dia 16, o edital para um novo processo licitatório, dando continuidade aos trabalhos após a rescisão contratual com a empreiteira vencedora da primeira licitação.

Com a necessidade de licitar a obra mais uma vez, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra) e Secretaria Executiva do Programa de Mobilidade Sustentável e de Projetos Especiais (Semospe), resolveu alterar o projeto inicial. “Durante a execução do primeiro projeto sentimos a necessidade de aprimorar e incluir melhorias que não estavam previstas em sua primeira versão”, avalia o secretário da Seinfra, Edson Brunsfeld.

Entre as novas adequações na Rua General Osório está inclusa uma quarta faixa de rolamento entre as ruas Joaquim Nabuco e a rótula da Caçadores. Também está prevista a implantação de duas novas rotatórias, sendo uma nas proximidades do Clube Água Verde e outra na Rua Paranapanema, criando um sistema binário no local. O novo projeto ainda inclui melhorias na tubulação em alguns trechos, além da reurbanização da General Osório entre a Rua Tóquio até o trevo do Tomio.

Para este novo projeto a Prefeitura estima um orçamento no valor de R$ 19,2 milhões. A previsão da abertura dos envelopes com as propostas é para o dia 18 de junho. Superada esta etapa e a possível fase de recurso, a empreiteira vencedora terá, a partir da assinatura da ordem de serviço, até junho de 2020 para concluir os trabalhos, prazo este conseguido pelo prefeito Mário Hildebrandt, junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Fonte: Secretaria de Comunicação PMB

1 Comentário

  1. EITA NOIS…
    E assim caminha a humanidade….
    Realmente vai chegar 2020… e aí… e aí quer voto do contribuinte-eleitor….
    Abre o olho Blumenau….
    Ponte no centro…KKKKKKK
    Gastam os nossos impostos em PROJETOS que não aproveitam…
    E da-lhe financiamientos…e povo pagando a conta….

Deixe uma resposta