Pinho Moreira acena apenas com a obra da Margem Esquerda para Blumenau

.

Publicidade camara_blu_hz
Foto: Informe Blumenau

O colega Evilásio Vieira Neto conseguiu uma entrevista exclusiva com o governador em exercício Eduardo Pinho Moreira (MDB), que foi transmitida na Rádio Clube de Blumenau.

Pinho, que ainda está como interino – deve assumir em definitivo no dia 7 de abril, quando o titular Raimundo Colombo (PSD) promete renunciar – falou sobre as limitações orçamentárias deste último ano e da extinção de algumas ADRs.  Promete ainda mais enxugamento.

O governador confirmou que o ex-secretário de Obras de Blumenau Paulo França assume nesta semana a secretaria de Infraestrutura do Estado, acumulando com o Deinfra, ao ser questionado sobre as dificuldades das obras na SC 118 e na revitalização da Rodovia Jorge Lacerda.

Evilásio Vieira Neto perguntou sobre a revitalização da Margem Esquerda, obra prometida por ele há um ano. Disse que a obra não andou pois “o governador Colombo tinha outras prioridades”, mas promete estar em Blumenau nos próximos dias para conversar com o prefeito Napoleão Bernardes (PSDB). “A Prefeitura tem que me dizer que obra quer”.

E veio a pergunta sobre o Fundam, prometido por Colombo para prefeitos e deputados de todo estado. “Estou pessimista”, disse Pinho Moreira. Era o dinheiro previsto para construir o Centro de Convenções.

Pinho disse que caso o Fundam realmente não vingue, irá apresentar projetos pontuais para buscar financiamento do BNDES, citando apenas a Margem Esquerda.

Ou seja, das duas obras com “recursos garantidos” – na promessa dos políticos Raimundo Colombo e Pinho Moreira -, Blumenau tem o aceno de apenas uma, provavelmente a Margem Esquerda. E mesmo assim, é aceno, pois dificilmente este dinheiro chegará – se chegar – para a cidade em ano eleitoral.

A entrevista do Evilásio Neto com o governador em exercício você ouve abaixo:

 

 

 

 

 

1 Comentário

Deixe uma resposta